Casal de chimpanzés foge de santuário, invade sítio e assusta moradores

Primatas tentaram arrombar porta da casa. Vídeo mostra animal passeando pela varanda da residência

Por O Dia

São Paulo - A visita indesejada de um casal de chimpanzés provocou pânico em uma família que mora em um sítio, em Sorocaba, interior de São Paulo, neste domingo. Os primatas, que fugiram do Santuário de Primatas de Sorocaba, pularam o muro da residência e tentaram invadir a casa

Chimpanzés foram vistos andando pela varanda da casaReprodução Youtube

Proprietário do imóvel, Matheus da Silva, de 34 anos, registrou o momento em que um dos animais anda pela varanda do casa. Ele foi avisado da fuga por funcionários da instituição e se trancou em casa com os cinco filhos. De acordo com seu relato, os chimpanzés foram até a varanda e começaram a esmurrar a porta na tentativa de entrar na casa. Os animais bateram com tanta força que a fechadura se quebrou.

Matheus e os filhos usaram sofás e outros móveis da casa para fazer uma barreira junto à porta. Uma janela da chácara também foi danificada. Os primatas foram afastados do local, por volta das 21 horas, pelo cachorro da família, que investiu contra os invasores.

Em nota, a direção do GAP confirmou a fuga de dois chimpanzés e informou que todos os procedimentos de segurança foram adotados para que os animais fossem levados de volta para seus recintos. Ainda segundo o GAP, os danos causados ao sítio vizinho serão recuperados, porém ninguém ficou ferido. 

Em área de 560 mil metros quadrados, à margem da Rodovia Castelo Branco, o santuário de Sorocaba abriga cerca de 250 animais selvagens, entre eles cerca de 50 chimpanzés. Várias famílias, no entanto, vivem em chácaras no entorno da instituição.

Com informações do Estadão Conteúdo

Últimas de Brasil