Por parroyo

O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M) teve alta de 0,41% na segunda prévia de maio após avançar 1,16% no mesmo período de abril, com queda dos preços dos produtos agropecuários no atacado.

A Fundação Getulio Vargas (FGV) informou nesta terça-feira que o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que mede a variação dos preços no atacado e responde por 60% do índice geral, avançou 0,39% na segunda prévia de maio, depois de subir 1,41%  no mesmo período de abril.

No IPA, os Produtos Agropecuários recuaram 1,34% no período, após alta de 1,53% na segunda prévia de abril. Entre as principais influências negativas do IPA, a soja em grão teve queda de 3,69% nos preços na segunda prévia de maio, após alta de 3,63% no mesmo período de abril.

Por sua vez, o Índice de Preços ao Consumidor, com peso de 30% no IGP-M, teve alta de 0,52%  no período, ante avanço de 0,67% na segunda prévia de abril.

Já o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) subiu 0,30% na segunda prévia de maio, após avançar 0,72% cento em abril.

O INCC responde pelos demais 10 por cento do IGP-M, índice que é utilizado como referência para a correção de valores de contratos, como os de energia elétrica e aluguel de imóveis

Você pode gostar