Cores da África e do Caribe

A modelo Stefanie Durval veste peças que combinam estampas étnicas, numa mescla que reflete a miscigenação e chega em alta na estação

Por O Dia

Rio - Como fazer uma boa mistura? Se formos nos guiar por alguns dos significados, precisamos: “Juntar coisas diferentes, mesclar, embaralhar, compor com elementos diversos”, dizem os dicionários. A proposta aqui é essa.

Nosso país reflete a mistura na populaçao e nas influências culturais. O tema inspira ousadia e liberdade na escolha das composições. “Não são só as estampas, as cores são vibrantes. Quando nos vestimos assim, passamos alegria na intenção”, diz a atriz e modelo Stefanie Durval, de 23 anos.

Mistura de estampas inspira ousadia e liberdade na escolha das composiçõesFelipe Fittipaldi / Divulgação

Stefanie acredita que quando uma mulher ousa não seguir padrões rígidos para se vestir, isso diz muito sobre a sua personalidade. “É preciso atitude para experimentar. Para misturar tem que ter personalidade”, garante a moradora de Madureira, que começou a trabalhar como modelo aos 8 anos, contra a vontade do pai. “Fui vista na rua e me chamaram para fazer um desfile. Minha mãe me levou escondida do meu pai. Comecei a fazer teatro na mesma época. Depois, ele acabou aceitando, porque viu que era um sonho, vocação”, conta Stefanie.

Mistura de estampas inspira ousadia e liberdade na escolha das composiçõesFelipe Fittipaldi / Divulgação

No ensaio, o tema reflete o mundo atual. As pessoas estão se desapegando cada vez mais de preconceitos e padrões pré-estabelecidos, segundo o coordenador de moda Alexandre Schnabl.

“As lojas já exibem as cores e as estampas da primavera. No ensaio, escolhemos padronagens étnicas, que vão do Caribe às ilhas exóticas dos Mares do Sul, e passam de raspão pela África. Tudo bem do jeitinho que a carioca gosta, com tecidos leves”, esclarece Alexandre.

Mistura de estampas inspira ousadia e liberdade na escolha das composiçõesFelipe Fittipaldi / Divulgação

O ensaio foi feito na Rua do Lavradio, Centro do Rio, próximo à Lapa, local conhecido pela sua diversidade e colorido. A primavera ainda nem chegou, mas o calor do vrão já se anuncia. Para ele, as roupas vestidas por Stefanie refletem a tendência da estação.

"A temperatura sobe e inspira sensualidade. É um tempo quente em tudo. O colorido combina com a atitude do carioca, com aquele sorriso aberto. Na cores, vão sobressair as gamas quentes do pôr do sol, que se misturam aos azuis do céu e do mar”, finaliza.

Mistura de estampas inspira ousadia e liberdade na escolha das composiçõesFelipe Fittipaldi / Divulgação

A modelo observa que são roupas versáteis, que podem ser usadas de dia e à noite.

Making Off: Cores vibrantes nos lábios deixa look ainda mais interessanteFelipe Fittipaldi / Divulgação

“Se quer deixar sofisticado, é só colocar um salto. Se usar um tênis, fica lindo também e mais informal. Dá até para ir à faculdade”, ensina ela, acrescentando: “Não costumo misturar tanto, mas vou passar a fazer, amei o resultado. Sem falar que as roupas são de lojas conhecidas, marcas mais populares. Isso prova que não precisamos gastar muito para estar bem vestida”. 


Últimas de _legado_D Mulher