Cinara Leal mostra o poder dos turbantes

Os turbantes chegaram ao Brasil pelas mãos dos africanos e, hoje em dia, viraram um acessório fashion. “Une o significado, a importância e a beleza”, diz Cinara Leal

Por O Dia

Rio - Os turbantes são lindos e estão na moda. E estiveram recentemente no centro de uma reflexão sobre apropriação cultural: a moda cria styling, inspirada por influências culturais e estéticas, inclusive dos turbantes africanos, nossa referência próxima. Mas para a cultura afro, ele não é apenas um adereço, é símbolo de luta do movimento negro. Além disso, em algumas culturas, a indumentária possui significado religioso. Sim, na ‘amarração’ de uma tira de pano na cabeça pode caber tudo isso e muito mais. 

Caftan, Turbante e colar - Atêlie Ms Vee. Sandália - Leader. Brinco e pulseiras - 18k. Anel – VB AtelierMaíra Coelho / Agência O Dia

“A discussão sobre quem pode usar o turbante é bem mais ampla e política do que qualquer polêmica pode querer fazer parecer. O acessório pode ser comprado. O que não é comercializado é a sua essência ancestral e o valor que ele tem para mulheres negras. A dica é conhecer a história dessa indumentária tão cheia de poder e realeza. Conhecimento nunca sai de moda!”, esclarece Fabíola Oliveira, educadora e idealizadora do Odarah, um projeto de fomento e valorização da atuação de afroempreendedores.

urbante – Colares D’Odarah por Fabíola Oliveira. Brinco - 18k. Pulseiras - 18k. Lenço usado como cinto - Ateliê Ms Vee. Short - Riachuelo. Sandália - Cityshoes. Anel – VB Atelier. Cropped - Riachuelo. Camisa - Looc por Rafael Moura]Maíra Coelho / Agência O Dia

Historiadores dizem não saber exatamente a origem do turbante, que pode ter surgido no Oriente ou na África. No Brasil, o adereço chegou pelas mãos dos africanos. Por volta de 1920, Coco Chanel (estilista francesa) aderiu, e na década de 1930, como acessório, ele se popularizou na moda.

PODEROSA

Em nosso ensaio realizado na sede do Odarah, convidamos Cinara Leal para sentir na pele o poder que o uso dele traz. A atriz, que recentemente se despediu da personagem Vanda em ‘Sol Nascente’, diz que, além de ter “amado” as produções, ficou emocionada. “Isso é ancestralidade. Meu bisavô foi escravo. Não tem como não remeter a isso. É forte demais. Me senti incorporando um símbolo de uma luta. Você une o significado, a importância, a beleza”, confessa. “Não vejo problema em todos usarem, mas é importante que se conheça e reconheça a história”.

Turbante – Colares D’Odarah por Fabíola Oliveira. Gargantilha - 18k. Sandália - Cecconello. Pulseiras – 18k Caftan - NiordMaíra Coelho / Agência O Dia

Linda aos 39 anos, a atriz carioca entrega que é ligada à moda. “Acho incrível que cada roupa que você coloca é uma atitude. No ensaio, isso ficou claro. A roupa influencia o comportamento”, opina. “Isso é ótimo, porque não gosto de mesmice. Cada dia estou num estilo diferente. Acompanho as blogueiras de moda, os editoriais. Gosto de saber o que está acontecendo”.

A atriz, que também é empresária e adora cozinhar (“Faço minha comida”), revela que depois da novela não vai ter descanso. “Tenho uma loja e estou abrindo outra, a Cookie’n Ice, um produto que conheci na Califórnia. Procurei empreender porque já sou assim na vida. Nunca esperei a oportunidade chegar, sempre fui atrás dela”, conta Cinara, que vai lançar neste semestre seu canal com um programa de culinária nas comunidades, o ‘Vidinha Boa’. “Vai unir alimentação e arte. Estou fazendo no YouTube porque não quero depender de patrocínio, mas se quiserem levar para a TV, topo na hora!” 

Canga usada como turbante - Ilustra Ilustra. Blusa – acervo da produção. Lenço usada como cinto – Ateliê Ms Vee Short - Leader. Meia - Riachuelo. Tênis - City Shoes. Brinco - Baile Black Bom. Pulseira - VB AtelierMaíra Coelho / Agência O Dia

SERVIÇO

18k – 18kjoias.com.br. Ilustre Ilustra - @ilustre.ilustra. Colares D’Odarah por Fabíola Oliveira – @colaresdodarah. Looc por Rafael Moura - @sejalooc. Riachuelo – Riachuelo.com.br. Leader – lojasleader.com.br. Cecconello – lojacecconello.com.br.City Shoes – cityshoes.com.br. Ateliê Ms Vee – facebook.com\ateliemsvee. VB ateliê - @vbatelie. Niord – niord.com.br. Baile Black Bom - @institutoblackbom. 

Agradecimentos

Rodrigo Barros – Produção de Moda. Instituto Baile Black Boom


Últimas de _legado_D Mulher