Por daniela.lima

Rio - Diva decadente, Melina Melaço vê seu talento para a música desafinar por conta da voracidade do alcoolismo. E, a cada ‘porre’, quem sofre são os órgãos da cantora. São eles os personagens do musical cômico ‘Randevu do Avesso’, que estreia hoje, às 20h, no Teatro Municipal Café Pequeno, no Leblon. Escrita por Claudia Mauro, a história já foi encenada em ‘Cabaret Melinda’, em 2008. Mas, agora, tudo está repaginado — além de novo nome, a montagem traz personagens, números musicais, figurinos e cenários inéditos. 

Musical ‘Randevu do Avesso’ conta a história de diva que tem problemas com álcoolDivulgação


“Esse elenco trabalhou junto na peça ‘O Baile (2007)’. Todos se davam muito bem fora do palco. A Claudia, então, decidiu colocar no papel as maluquices que a gente falava. Eu, por exemplo, fazia todo mundo rir quando imitava um bêbado. Não por acaso, interpreto um pinguço, que é o fígado da Melina. Esses personagens vieram de brincadeiras desse tipo”, explica Marcos Acher, que também dirige o espetáculo ao lado de Alice Borges e Édio Nunes.

Com supervisão artística de José Possi Neto, irmão da cantora Zizi Possi, a montagem é apadrinhada por Ney Latorraca e Louise Cardoso. “Na época do ‘Cabaret Melinda’, que foi um teste para chegarmos ao ‘Randevu do Avesso, tínhamos pouco dinheiro. Eles chegaram a bancar o espetáculo”, conta Marcos. “O que mais impressiona é nossa alegria de estar em cena.”

Teatro Municipal Café Pequeno. Avenida Ataulfo de Paiva 269, Leblon (2294-4480). Sex, sáb e dom, às 20h. R$ 50. 85 min. 18 anos. Até 4 de agosto.

Você pode gostar