Uma outra visão sobre o Rio em livro e documentário

Chico Buarque, Narcisa Tamborindeguy, Zuenir Ventura e outros famosos mostram a cara da cidade

Por O Dia

Rio - Uma visão diferente do Rio de Janeiro. Com essa ideia na cabeça e uma produção arrojada, a jornalista portuguesa Rita Sousa Tavares concebeu o livro ‘Show Me Rio’, que mostra o melhor da Cidade Maravilhosa através do olhar de personalidades como o cantor Chico Buarque, a atriz Maitê Proença, o artista plástico Vik Muniz e o prefeito Eduardo Paes. Editado pela Café Pessoa, em parceria com a Prefeitura do Rio e O DIA, o livro (287 págs., R$ 109) é acompanhado de um documentário de 50 minutos. O lançamento é amanhã, às 19h, na Livraria da Travessa, em Ipanema.

Chico Buarque fala dos pés-sujos da cidadeJosé Pedro Monteiro / Agência O Dia

“A cidade tem um potencial incrível, faltava uma publicação que a mostrasse por inteiro. O Rio é mais do que o Copacabana Palace, o calçadão, as praias, o Cristo”, diz Rita, 35 anos, uma lisboeta que frequenta o Rio desde a infância. “Tenho na cabeça a imagem e os cheiros da cidade quando vim pela primeira vez, com 1 ano e meio de idade. É um cheiro intenso, de maresia, de verde e de mofo, por causa da umidade”.

‘Show Me Rio’ começou a ser feito em fevereiro de 2012, depois que Rita montou sua própria produtora. Ao longo de um ano e meio, ela entrevistou 19 pessoas — entre elas, a socialite Narcisa Tamborindeguy, a ex-modelo Andrea Dellal, a estilista Isabela Capeto, a chef Roberta Sudbrack, o empresário Oskar Metsavaht e o jornalista Zuenir Ventura —, que falam das delícias de morar no Rio, do jeito de ser do carioca, e apontam seus lugares favoritos. Para a jornalista, a melhor forma de se conhecer uma cidade é através de seus habitantes.

“Queria um elenco que pudesse me mostrar o Rio além do cartão-postal. Desde o início, eu quis falar com Vik Muniz, com quem tive contato em Lisboa, e Chico Buarque. Foi difícil, mas o Chico foi superatencioso”, conta ela. Enquanto Rita gravava os depoimentos para o documentário, as imagens para o livro eram feitas pelos fotógrafos José Pedro Monteiro e Márcio Mercante, ambos do DIA.

Menino mergulha no LemeMárcio Mercante / Agência O Dia

Praia, Carnaval, futebol, favela e a beleza da cidade são temas explorados nos depoimentos. As últimas páginas do do livro são dedicadas a um guia — ‘Insider’s Guide’ —, no qual os entrevistados dão dicas de botequins, restaurantes, rodas de samba, bailes funk, feiras e passeios.

“Fui a baile funk, achei uma experiência inesquecível. O som é ensurdecedor. Dormi com um zumbido nos ouvidos”, confessa Rita, que adora rabada, toma chope na praia no fim da tarde e sente falta da Cidade Maravilhosa quando está em Lisboa. “Para mim, ser carioca é ter espontaneidade, despojamento e alegria. Sou carioca de coração”.

Últimas de Diversão