Por daniela.lima

Rio - Boa parte do público que estava sentada no gramado da Cidade do Rock durante a apresentação do Ghost B.C. se levantou com gosto logo no princípio do show do Alice in Chains no fim da noite desta quinta-feira. Com o vocal forte e melódico de William DuVall, a euforia da plateia foi renovada em grande estilo. 

Com vocal potente e melódico%2C Alice in Chains recupera animação do públicoAndré Luiz Mello / Agência O Dia


A banda de Seattle, nos Estados Unidos, alcançou fama no mundo inteiro ao integrar o movimento grunge no início dos anos 1990, ao lado de Nirvana, Pearl Jam e Soundgarden. "Olá, Rio! Tudo bem? É muito bom estar de volta ao Brasil e é uma grande honra tocar no Rock in Rio", falou, em português, o guitarrista e também vocalista Jerry Cantrell, para o delírio dos fãs.

Com o hit "Man In The Box", o público foi à loucura cantando a música inteira. Antes de tocar ‘Nutshell’, Cantrell disse em tom emocionado que a canção seria dedicada a Layne Staley e Mike Starr, integrantes da banda norte-americana que já morreram.

William DuVall agradeceu o calor do público e anunciou com euforia a atração principal que vai encerrar o dia no Palco Mundo: o Metallica. A expectativa da plateia é muito grande para a apresentação da banda de thrash metal, que esteve no Brasil na última edição do festival, em 2011. 



Você pode gostar