Por daniela.lima

Rio - O espetáculo do americano Reginald Rose, ‘12 Homens e uma Sentença’, que ganhou adaptação para o cinema em 1957, acaba de estrear no Centro Cultural Banco do Brasil. Com Henri Pagnoncelli no elenco, a peça conta a história de 12 jurados que vão decidir o destino de um jovem acusado de matar o pai.

“Pelo fato de o texto trazer em si um ótimo exercício de discussão e argumentação que alcança o interesse público, a peça é uma astuta análise sobre a própria democracia”, argumenta Ana Elisa Paz, produtora e idealizadora do espetáculo. 

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL. Rua Primeiro de Março 66, Centro (3808-2020). De qua a dom, às 19h30. R$ 10. 110 min. 12 anos. Até 14 de abril.

Elenco da montagem, sobre jurados que decidem o destino do réuDivulgação


Você pode gostar