Daniele Suzuki torce para o Brasil virar o jogo fora de campo

'Mais do que nos dar um título, esta Copa tem que trazer, um país melhor e mais justo para as pessoas', declarou a atriz

Por O Dia

Rio - Os olhinhos puxados de Dani Suzuki não são suficientes para fazer com que ela torça pelo Japão ou qualquer outro time que não seja o Brasil nesta Copa do Mundo. As vuvuzelas da atriz, que também descende de italianos e alemães, só tocam mesmo na hora em que o time de Neymar e companhia entra em campo. “Não saberia me dividir na hora de torcer. Apesar do carinho por todas as partes da minha família, meu coração realmente é do Brasil”, conta Dani, que volta às novelas após quatro anos (a última foi ‘Viver a Vida’, em 2010), na nova temporada de ‘Malhação Sonhos’, que estreia dia 14 de julho.

Dani Suzuki%3A'Estou torcendo para que tenhamos uma país melhor e que esta Copa seja positiva para nós'Fernando Souza / Agência O Dia

“Espero sempre que o Brasil faça bons jogos e que, se for para a final, jogue com um adversário bem difícil. Quem sabe com a Itália?”, arrisca a atriz, que no início não estava muito empolgada para o Mundial. “Estou torcendo para o Brasil muito mais do que pela Seleção em si. Estou torcendo para que tenhamos uma país melhor e que esta Copa seja positiva para nós. Mais do que ganhar um simples jogo de futebol, espero que a gente ganhe mais respeito, dignidade, viva com mais educação, com mais vida. Acho que mais do que nos dar um título, esta Copa tem que trazer, de alguma forma, uma país melhor e mais justo para as pessoas”, sonha.

Depois de um período se dedicando ao filho Kauai, de 3 anos, e à sua carreira de apresentadora, Dani, aos 36 anos, retorna às telinhas no melhor estilo mulher predadora. “A personagem é pegadora, ousada. Mas não é periguete. É uma mulher independente, moderna, que sabe o que quer”, explica a atriz, que depois de interpretar a jovem Miyuki na novela teen, há 13 anos, vai voltar na pele de Roberta, uma dona de academia e professora de nado sincronizado que tem como hobby seduzir os homens. “Ela é bem diferente de mim pelos valores mesmo. A Roberta pega todos os caras e isso, para ela, é absolutamente normal. Acho que é muito da nossa realidade. Se você reparar, as mulheres que dão em cima dos homens não são somente as que se vestem como periguetes. Atualmente, está uma luta, todo mundo se estapeando, não importa se o cara é casado ou tem namorada, a mulherada está atacando mesmo”, avalia a mãe de Kauai, que se separou do empresário Fábio Novaes no ano passado.

“Corro atrás de um cara se ele realmente estiver livre. Se ele tiver alguém, jamais seria uma alternativa para mim. Eu evito entrar num problema se ele já é um problema. Eu também não passaria por cima de outras pessoas por causa de alguém. A gente tem um mundo farto, pode escolher pessoas menos complicadas”. E por falar em um mundo de oportunidades, parece que a atriz vai, em breve, poder aproveitar essa fartura toda. Segundo ela, seu recente namoro com o empresário Saulo Melo não vai de vento em popa. “Eu estou num momento complicado de namoro. Eu estava muito feliz, viajando com ele pela China, mas ele está trabalhando e vai ficar por lá. Então, isso vai ser um problema. Estou no meio dessa resolução e, daqui a pouquinho, é bem provável que eu esteja solteira de novo. Coisas da vida”.

Dani exibe boa forma durante dia de surfe%2C uma de suas atividades preferidasAgNews

Muitas cenas de maiô

Quando soube que ia ter que gravar a maioria de suas cenas de maiô, na piscina, Dani até ficou receosa. Mas a verdade é que ela não precisa se preocupar com isso. “Quando soube que ia aparecer de maiô o tempo todo, pensei: ‘Ai, meu Deus! E agora?’. Mas faz parte. Não ia ter outra forma de eu trabalhar na piscina mesmo”, diz ela. O corpo sequinho e bem definido, a atriz mantém com uma alimentação saudável e muito exercício físico. “Cortei carboidratos depois das 18h, cortei o jantar, arroz. Também não como mais pão, troquei pela tapioca, que não tem glúten. Estou comendo tudo que gosto, mas diminuí bastante a quantidade. Como muita carne, salada, quinoa, como a tapioca no lanche junto com um suco e vou dormir com fome muitas vezes”, conta, aos risos.

As festinhas infantis, que Dani frequenta com o filhote, são as verdadeiras inimigas da dieta. “A gente sempre come aqueles hamburguinhos, salgadinhos. Tenho que passar a ir menos nessas festinhas”, diverte-se.

Fã declarada de surfe, a atriz intensificou seus treinos para a nova personagem, que vive num universo aquático: “Estou surfando bastante, voltei para as aulas de balé, pratico ioga, capoeira e agora vou aprender um pouco de nado sincronizado. Estou fazendo várias atividades, mas não estou me dedicando a nenhuma.”

Últimas de Diversão