Por daniela.lima

Rio - É difícil fixar os olhos em MC Gui. Isso porque o cordão que ele usa pendurado no pescoço (com quase 90 cm e avaliado em mais de R$ 50 mil) chama mais atenção que o próprio artista de cabelos descoloridos e puro swag (termo difundido por personalidades da música como Jay-Z e Kanye West, que se tornou uma gíria para dizer que alguém tem estilo, geralmente despojado ou espalhafatoso).

MC Gui exibe corrente e relógio de ouro. Juntos%2C os objetos estão avaliados em mais de R%24 100 milPatrícia Teixeira / Agência O Dia


Aos 16 anos, o paulistano acaba de lançar seu primeiro DVD, ‘O Bonde é Seu’, e fatura alto cantando músicas que exaltam algum tipo de ‘sonho de consumo’, mais conhecidas como funk ostentação. Seus clipes no canal YouTube somam mais de 100 milhões de visualizações . “Gosto de ostentar. Esse cordão é de ouro e tem brilhantes. Esse relógio que estou usando também é de ouro. Hoje, posso conquistar muita coisa que antigamente eu não tinha”, conta ele, revelando o valor de suas joias.

“O cordão e o relógio custam de R$ 50 mil pra cima, cada um”. MC Gui revela também que anda com seguranças e que se sente mais poderoso ‘portando’ os objetos de valor. “Me sinto mais bonito assim, né? Afinal, eu estou com um carro no pescoço e no pulso”, diz ele, aos risos. O jovem também admite que adora gastar dinheiro com roupas e carros de luxo. Em sua garagem, um total de quatro possantes (um Camaro, que acaba de adquirir, uma BMW, um Hyundai Azera e um Peugeot). “Tenho paixão por carros, roupas, motos, correntes. Tenho casa própria, com piscina, que foi fruto do trabalho da família inteira”.

MC Gui conta com o apoio do pai, Rogério Alves, como seu empresário, de sua mãe, Cláudia, como fiel escudeira, e de sua irmã, Stefani Castanheira, como sua personal stylist.

“Não sei quanto ganho por mês (especula-se que seja em torno de R$ 150 mil), isso fica nas mãos dos meus pais. Nem faço questão, porque dinheiro sobe à cabeça”, acredita. “Também tenho uma marca, a G-Style, que tem loja aqui em São Paulo e vai abrir quiosques em vários shoppings do Brasil. Vendo camisetas, calças, meias, tudo que tem o meu estilo e tudo que eu gosto”, completa ele, que se gaba por ter mais de 5 milhões de fãs, conhecidas como ‘Guináticas’. “Amo minhas fãs e nunca fiquei com nenhuma. Não gosto de misturar as coisas porque elas podem se magoar e deixar de ser minhas fãs”, enfatiza.

Por falar em assuntos do coração, MC Gui afirma estar solteiro e nega namoro com Rafaella Santos, irmã de Neymar. “Só porque ela é irmã do Neymar, todo mundo gosta de falar coisas. Ela é só minha amiga, digo isso de boca cheia”, garante. Apesar da negativa, MC Gui se atrapalha quando questionado se chegou a rolar um casinho entre os dois. “Ah, isso é minha vida pessoal, né?”, despista. Gui pode até não querer assumir o flerte, mas deixou escapar que gosta de mulheres mais velhas do que ele. “São mais experientes, sabem o que fazem e o que falam”.

Na nova fase da carreira, iniciada aos 13 anos, MC Gui aposta também em canções românticas. Ele conta que se inspira nas músicas de Justin Bieber. “Sou muito fã. Ao ver os filmes dele, eu me interessei mais por música. Ele é muito talentoso”, comenta. Mesmo sem data para acontecer, um encontro entre ele e Bieber está previsto. “Não é nada certo nem temos nada marcado. Mas isso deve rolar em algum momento”. Focado na nova música de trabalho, ‘Sonhar’, que tem uma pegada mais leve, Gui garante que não vai largar o funk ostentação. “Não vou deixar de cantar. Explodi com ele, mas nem por isso eu sou obrigado a ficar nele pra sempre”. 


‘SONHAR’

Não nasci na rua / Mas me joguei nela / Sou mero aprendiz / Na vida de favela / Onde
eu tenho certeza / Que a fé nunca morre / E a vida real
não parece novela

Se hoje eu tenho quero dividir / Ostentar pra esperança levar / Pras crianças nunca desistir / Um sonho que leve a gente acreditar

Eu peço pra Deus o caminho iluminar / Que a luta que eu travo não me traga dor / Eu
faço o possível pra gente
ganhar / A guerra de miséria
que a gente criou

Cê ta ligado o quanto é difícil quando / Lá em cima querem derrubar / Mas quando embaixo se pede ajuda / Ninguém dá a mão se é pra te levantar

Sonhar, nunca desistir / Ter
fé, pois fácil não é nem vai
ser / Tentar até se esgotarem
suas forças / Se hoje eu
tenho quero dividir ostentar / Pra esperança levar

Sonhar, nunca desistir / Ter fé, pois fácil não é nem vai ser / Tentar até se esgotarem suas forças / Se hoje eu tenho quero dividir ostentar / Pra esperança levar e o mundo sorrir

Criança quer ser jogador pra dar pra / Família um futuro melhor / Acende essa luz aí no fim do túnel / Que é pra esse menor no futuro enxergar / Cê tá ligado o quanto é difícil quando / Lá em cima querem derrubar

Mas quando embaixo se pede ajuda / Ninguém dá a mão se é pra te levantar / Acredito e tenho os pés no chão vou fazer / Um som me jogar no mundão

Quero ser do bem não importa o / Estilo com tanto que tenha tudo que eu preciso / Minha família tá sempre aumentando meus amigos / Só vem pra somar quando eu sinto / Que tá me atrasando eu chuto pra longe / Pra não mais voltar

Você pode gostar