Por daniela.lima

Rio - As atrizes Samara Felippo, Antônia Fontenelle e o ator Patrick Oliveira (que fez a voz de Simba em "O Rei Leão") são os dubladores convidados para uma sessão especial do Programa Internacional da Mostra Geração, do Festival do Rio 2014. Os atores farão a dublagem ao vivo do longa italiano "Primeiros Amores" (Amori Elementari) nesta quarta, 1º, às 13h30, no Estação Rio 1. 

Samara Felippo apareceu vai participar do Festival do RioAg. News


"É uma novidade, diferente de tudo o que já vi de comunicação, não sabia nem que existia dublagem ao vivo. Eu dublei 'Ratatouille' e amei, mas é completamente diferente ao vivo. É tensão o tempo todo. Estou muito empolgada e ansiosa para ver a reação das crianças, ver que eles realmente estão entendendo, curtindo o filme porque a gente está fazendo direitinho, vai ser muito gratificante", conta Samara Felippo, mãe de Alícia (5 anos) e Lara (1 ano).

Apesar de não ter experiência em dublagem de estúdio, Antônia Fontenelle aceitou o desafio: "Fiquei muito feliz com o convite. A preocupação é que é ao vivo, então não pode parar, como no estúdio. E é um público novo e que não perdoa. Se a criança não gostar, não esconde. A gente tem que levar muito a sério e treinar muito. É um superdesafio, mas o fato de as crianças assistirem e depois falarem com a gente, vai ser uma experiência lindíssima".

Patrick de Oliveira, que foi uma ator mirim revelação na década de 90 e dublou o personagem Simba de "O Rei Leão", também destacou as diferenças para dublagem de estúdio. "Eu já dublo há bastante tempo, mas é diferente e a gente faz muitos personagens, eu estou fazendo quase todos os masculinos do filme. É uma adrenalina quase de uma peça teatral porque é tudo na hora, ao vivo", conta. 


Samara lembra da importância do cinema na educação: "Falta, um pouco, a arte dentro da escola e levar crianças para esse tipo de evento é um ganho para as nossas crianças porque é um filme
italiano, que fala de amor, e você vê dubladores ao vivo ali, então tem uma mistura de tudo e aguça os sentidos delas". Patrick, completa: "A formação de plateia e esse lado cultural é totalmente transformador. A criança que cresce com cultura vai se tornar um cidadão melhor, principalmente porque a Mostra Geração busca algumas crianças que tem muito menos acesso ao cinema, ainda mais a filmes alternativos como os do Festival do Rio. Mostrar isso para eles com certeza vai ser
muito engrandecedor no processo de formação deles ".

Na Mostra Geração, alguns filmes internacionais são dublados ao vivo para que os que ainda não sabem ler aproveitem cada minuto da história. Para as crianças é uma experiência única que exige muita técnica e ensaio da equipe de dubladores, que fica ali pertinho do público durante todo o filme. Nada é gravado, cada sessão é única e o público pode conversar com os "donos das vozes" no final.

Essas ações estão dentro do objetivo da Mostra Geração de incentivar crianças e jovens a terem mais contato com o cinema e audiovisual em geral.

Sobre o filme: Numa cidade dos Alpes italianos, seis jovens entre 10 e 11 anos vivem novos sentimentos. Todos frequentam a mesma escola de hóquei e patinação. Katarina foi adotada por
uma família italiana. Aleksey e sua família vieram da Rússia. Ajit é filho de um casal indiano e tem um amigo invisível. Matilde que se enamora de Tobia, Ajit que gosta de Matilde. Por causa de uma medalha roubada, os jovens vão participar de competições poliesportivas na Rússia, apoiados pelos professores. Nessa jornada, eles se envolvem em muitas aventuras e começam a perceber a chegada do primeiro amor.

Exibição de "Primeiros Amores" durante o Festival do Rio:Rio - QUA (1/10) 13:30 Estação Rio 1. TER (7/10) 9:00 Estação Rio 1.

Você pode gostar