Uma atriz argentina de olho no Brasil

No Ceará, Luz Cipriota diz que quer viver aqui

Por O Dia

Fortaleza - Desde que fez seu primeiro filme aqui — ‘Histórias de Amor Duram Apenas 90 Minutos’, com Caio Blat e Maria Ribeiro — a atriz argentina Luz Cipriota não para de pensar no Brasil. Presente no Cine Ceará deste ano, que homenageia a produção dos hermanos, ela, que já é conhecida em seu país, fala sobre seus planos para se fixar de vez por aqui.

“Morei recentemente no Rio. Fiquei dois meses lá e me apaixonei pela cidade. Estou recebendo informação e conhecendo gente de todos os lugares, fazendo cursos, preparação de elenco, estudando português...”, diz Luz, empolgada, em entrevista após a sessão de seu primeiro longa de terror argentino, ‘Natureza Morta’, de Gabriel Grieco.

Luz participa de ‘Histórias de Amor Duram Apenas 90 Minutos’Divulgação / Rogério Resende

A atriz também anda de olho nas nossas novelas. “Na Argentina, as novelas brasileiras são muito populares. Acho que vocês têm uma técnica incrível nessa área. Queria muito trabalhar com isso por aqui!”, avisa ela.

Tudo começou em 2008, quando veio o convite para ‘Histórias de Amor Duram Apenas 90 minutos’, de Paulo Halm. “Estavam procurando uma atriz argentina que soubesse cantar, dançar e falar português para o filme. Já estavam desesperados porque, 15 dias antes de começar a rodar, ainda não tinham a atriz, que era uma das protagonistas”, lembra Luz, que tira de letra cantar e dançar, mas não falava nada de português na época. “Disse que queria muito fazer. Pedi para confiarem em mim, que ia aprender as falas. Tive dez dias para isso”, diz, soltando um suspiro.

No fim das contas, deu certo e ela ganhou o papel de Carol, personagem que bagunça a vida de Júlia (Maria Ribeiro) e Zeca (Caio Blat), formando um triângulo amoroso com eles. Ao recordar as filmagens, Luz se diverte, contando quais foram as primeiras palavras que aprendeu no nosso idioma. “Eram falas engraçadas. A personagem era meio ‘sapata’ e ficava no meio do casal. Quando minhas amigas perguntavam o que eu sabia falar em português, eu respondia: só sei dizer coisas do tipo ‘achou que ia vir aqui, meter seu pau em mim e me curar da minha sapatice?’, conta, às gargalhadas.

Após o fim das filmagens, ela retornou para a Argentina, trabalhou em teatro, TV e cinema. Então a saudade bateu forte e Luz voltou para o Brasil, onde pretende morar. E parece que o destino está colaborando com seus planos. Este ano, a atriz também participou de ‘Love Film Festival’, com Leandra Leal, no elenco como uma roteirista brasileira que vive histórias de amor em diferentes festivais de cinema ao redor do mundo. “Estava de turista pelo Festival de Portugal. Lá, conheci o pessoal do filme, que perguntou se eu não queria fazer uma participação. Topei. Só que, no corte final, minha cena não entrou e não pude me ver”, conta a atriz, sem perder o bom humor. “Pelo menos, agora posso dizer que já trabalhei com a Leandra, que acho incrível.”

Últimas de Diversão