Por daniela.lima

Rio - O brilho do ouro chama a atenção de todo mundo. Não por acaso, a exposição ‘Ouro — Um Fio que Costura a Arte do Brasil’, que pode ser conferida no Centro Cultural Banco do Brasil, também faz sucesso com a criançada. Além de apreciar mais de 50 obras — como desenhos, esculturas, fotografias, pinturas e joias —, os pequenos ainda têm atividades produzidas exclusivamente para eles. Tudo de graça.
“Essa mostra é uma maneira de reunir a diversidade criativa do Brasil a partir de um elemento comum que permite um novo olhar para o que foi criado nesse século”, diz o curador, Marcelo Dantas. 

Ouro vira tema de exposiçãoDivulgação


Logo na entrada da mostra, uma chuva de folhas douradas já encanta a garotada. No ‘Laboratório InCorpoAurum’, meninos e meninas podem aprender com um ourives a criar objetos usando um material parecido com o ouro. Essa oficina acontece de quarta a segunda-feira, às 11h, 13h, 15h e 17h.

Aos sábados e domingos, às 16h, no espaço ‘Cantos e Contos’, o público infantil vai conhecer clássicos relacionados ao assunto através da contação de histórias como ‘Ali Babá e os Quarenta Ladrões’ e ‘A Águia dos Ovos de Ouro’.

Outra atividade criada para a garotada chama-se ‘Pequenas Mãos Ciranda de Estrelas’, que mistura lições sobre confecção de objetos dourados e a tradicional brincadeira de amarelinha. Essa oficina é realizada aos sábados e domingos, às 15h. 

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL. Rua Primeiro de Março, 66, Centro (3808-2070). ‘Laboratóro InCorpoAurum’: de qua a segunda, às 11h, 13h, 15h e 17h. ‘Cantos e Contos’: sáb e dom, às 16h. ‘Pequenas Mãos Ciranda de Estrelas’: sáb e dom, às 15h. Grátis. Até 5 de janeiro de 2015.

Você pode gostar