Com 106 quilos, Neto LX vira hit no Carnaval com ‘Gordinho Gostoso’

Cantor avisa: ‘Mulher quer carinho e amor’

Por O Dia

Cordões%2C bonés e muito estilo. ‘Muitos gordinhos me dizem que se sentem representados por mim’%2C comemora Neto Divulgação

Rio - Depois do funk ostentação, do arrocha e de outros estilos, prepare os ouvidos porque vem aí o... arrocha ostentação. O baiano Neto LX (ou Elmiro Neto, 26 anos, 1,80m 106kg), nascido em Ilhéus, faz a mescla da marra do funk de MC Guimê e MC Nego do Borel com a arrochadeira baiana. E cai dentro do novo estilo, que já tem um hit, ‘Gordinho Gostoso’, chegando devagarzinho no Rio a bordo do primeiro lançamento solo do cantor, o DVD ‘Ao Vivo em Salvador’.

“Muitos gordinhos me param na rua e falam que se identificam com a letra e com a alegria. E já me disseram que é um prazer estar sendo representado... de gordinho para gordinho. É a música do Carnaval 2015”, comemora Neto, que já chegou a programas da Globo, como ‘Esquenta’ e ‘Mais Você’, com a música. E já teve seu hit cantado em shows por dois artistas que passam longe da briga com a balança: Ivete Sangalo e Gusttavo Lima.

Se no Facebook volta e meia alguém fala de preconceito contra gordos, Neto diz que isso nunca aconteceu com ele. Muita gente que está acima do peso quer emagrecer, e com ele foi o contrário. “Quando comecei a carreira, eu era magrinho. Com o tempo fui engordando. Todo mundo se trata hoje com mais respeito e todo mundo está aprendendo que também pode ser um gordinho ou uma gordinha gostosa. E, graças a Deus, sempre fui muito bem acolhido em todos os lugares. Hoje, as mulheres não estão mais tão ligadas no corpinho sarado: elas querem carinho, respeito e amor”, diz o cantor, casado e cheio de ex-namoradas. E que no clipe da canção aparece cercado de gatas. “A mulherada gosta do papai aqui!”

O estilo arrocha ostentação inclui cordão de ouro, carrão, tênis e bonés de marca, além de trechos de gozação explícita na letra de ‘Gordinho Gostoso’, como “eu não sou Friboi, mas tô na moda, a mulherada gosta.” E em outros futuros sucessos, como ‘Vida Mais Ou Menos’. Não por acaso, o ‘LX’ do nome do cantor é a ‘abreviatura’ de luxo — e ele veio de uma banda de música baiana chamada Luxúria. Sem ele, o grupo segue com outro vocalista. “Ajudei a criar a banda e fiquei nos vocais até o dia 28 de julho de 2014. Eu estava me sentindo muito podado pelo grupo, precisava abrir meus horizontes”, lembra o cantor, que reuniu 50 mil fãs na gravação do DVD.

O sucesso de Neto nasceu na internet, via divulgação em redes sociais — são mais de 180 mil likes. E ‘Gordinho Gostoso’ tem ficado bastante popular nas batalhas de ‘paredões’ (aqueles carros com equipamentos sonoros enormes). “Falam até que sou o rei dos ‘paredões’, porque a música sempre é tocada neles”, anima-se.

O primeiro Carnaval do ‘Gordinho Gostoso’ promete, com trio próprio no circuito Barra/Ondina (na sexta de Carnaval) e mais shows em Ondina e Porto Seguro. E há ainda outros planos. “No futuro, quem sabe, vocês podem estar vestindo algumas peças do Gordinho Gostoso ou tendo alguns acessórios em casa”, anuncia.

OS GORDINHOS ESTÃO NA MODA

Não é só Neto LX que vem cantando sobre gordinhos ‘transantes’ e cheios de segurança com a mulherada. A dupla Henrique e Juliano faz sucesso com ‘Gordinho Saliente’, que está no DVD ‘Ao Vivo em Brasília’, lançado no ano passado. “Cê tem coragem de experimentar esse gordinho?/cê é boa demais, não deu pra resistir/ê, gordinho saliente, que moleque pra frente/desculpe, esse é meu jeito e ninguém vai me mudar/gordinho saliente, que moleque pra frente/eu sou a ferramenta de fazer mulher pirar”, diz a letra. “Os gordinhos estão na moda e somos todos parceiros!”, comemora Neto.

Últimas de Diversão