Editora Cosac Naify anuncia que vai fechar as portas

Famosa pela publicação de títulos de artes, arquitetura e poesia, empresa chega ao fim após quase 20 anos

Por O Dia

Rio - A editora Cosac Naify, referência na publicação de livros de arte, anunciou nesta segunda-feira que vai fechar as portas após quase 20 anos de atividade. De acordo com o fundador da empresa, Charles Cosac, a editora "não está falindo", mas essa foi sua decisão. A informação foi anunciada pelo "Estado de S. Paulo".

Famosa por títulos de arte%2C Cosac Naify chega ao fim após quase 20 anosDivulgação

"Meus queridos amigos, é com muita tristeza, mas também com muita tranquilidade, que venho participar-lhes da minha decisão de encerrar a Cosac Naify. A editora não está falindo, mas encerrando, e esse é um direito que me cabe", escreveu o fundador em comunicado aos funcionários.

Segundo o diretor financeiro da empresa, Dione Oliveira, a editora não fecha imediatamente e vai honrar os compromissos com clientes e fornecedores.

A Cosac Naify é fruto de uma sociedade entre Charles Cosac e o empresário norte-americano Michael Naify. Entre suas publicações estão diversos títulos de artes, arquitetura e poesia, além de literatura nacional e clássicos da estrangeira. Em 2012, a editora passou a atingir uma camada mais popular, já que seu catálogo era famoso por edições caras, e criou livros de bolso. Os investimentos da editora estariam em cerca de R$ 70 milhões.

Últimas de Diversão