Lucy Alves e Gabriel Sater estrelam o musical 'Nuvem de Lágrimas'

Peça é sobre uma história de amor vivida no interior do país

Por O Dia

Lucy Alves e Gabriel Sater estrelam musicalDivulgação

Rio - Uma história de amor com cenário brasileiríssimo e trilha que homenageia a cultura sertaneja do país. Assim é o musical ‘Nuvem de Lágrimas’, que estreia sexta-feira no Teatro Oi Casa Grande. Assinado por Anna Toledo, o espetáculo, que vem de temporada em São Paulo, é ambientado no interior e teve inspiração em um clássico da literatura mundial, ‘Orgulho e Preconceito’, de Jane Austen. O casal de protagonistas é vivido pela cantora, compositora e multi-instrumentista Lucy Alves, a Luzia, de ‘Velho Chico’, e por Gabriel Sater, filho de Almir Sater.

Formada em música pela Universidade Federal da Paraíba, Lucy Alves começou a carreira aos 4 anos e, ao lado da família, integrou o grupo nordestino Clã Brasil. “Venho de uma família de músicos, profissionais e amadores. A música sempre foi meu norte. E é ela que me leva para todos os trabalhos”, diz.

Ela ficou conhecida após o ‘The Voice Brasil’ (2013) e agora colhe os frutos do reconhecimento na novela das 21h. A convite do diretor Luiz Fernando Carvalho, Lucy se aventura pela primeira vez como atriz na TV, já que estreou antes com o musical no teatro, e encara as novas experiências com entusiasmo. “A história da novela surgiu no início do ano passado, quando fiz o teste para ‘Dois Irmãos’, que foi emocionante, mas acabou não rolando. Por causa do teste, Luiz me chamou para fazer a novela”, conta.

Os dois trabalhos têm em comum personagens sertanejas. Na peça, Lucy vive Bete, uma funcionária de cooperativa agrícola que julga Darcy (Gabriel Sater) pela primeira impressão e não consegue se abrir para uma relação. Na novela, a atriz é a batalhadora Luzia, apaixonada por Santo (Domingos Montagner). “Minha família é formada por mulheres fortes, mas doces. O sertanejo é muito assim. Com elas aprendi a enfrentar os desafios, a ter dignidade no trabalho”, frisa a atriz, que se diz mais racional do que sua personagem: “Como a Luzia, acredito que se deve lutar pelo que se quer. Ela luta com todas as armas, não tem arrependimentos”.

Lucy é só elogios a seu parceiro no musical. “Gabriel é sincero e doce. Nossa troca foi genuína.”

O cantor e ator carrega a música no sangue. Não se aborrece com as comparações com o pai e admite que ele é sua maior referência: “Meu pai é um grande incentivador. Tenho orgulho do que ele representa, mas temos vidas independentes. Estou trilhando o meu caminho”.

Lucy Alves e Gabriel Sater numa cena do musical%3A 'Ele é sincero e doce. Nossa troca foi genuína'%2C diz a atriz Divulgação

A parceria no teatro deu tão certo que a dupla já planeja fazer um show. “Ela é uma artista espetacular, plural. Quando Lucy me convidou, topei na hora. Agora só dependemos de agenda”, diz ele.

Últimas de Diversão