Flávio Ricco: A TV precisa descobrir o horário da tarde

O que se verifica é que a grande maioria continua apenas apelando para reprises de novelas ou exibição de filmes

Por O Dia

Rio - Em mais de uma oportunidade, falou-se aqui da necessidade das TVs “descobrirem” a faixa vespertina das suas programações e passarem a dedicar a ela, a mesma atenção que já dispensam para os períodos da manhã e noite.

O que se verifica, como prova completa de uma total desatenção e acomodação, é que a grande maioria continua apenas apelando para reprises de novelas ou exibição de filmes, sem procurar investir em qualquer outro produto que pudesse até apresentar melhores resultados.

E quando aqui se fala em resultados, é uma referência àquilo que poderá ser alcançado tanto em audiência como faturamento.

Ao mesmo tempo em que se despreza toda essa carga de horário, também há, por consequência, completa renúncia ao que poderá oferecer de retorno, talvez até em condições de fazer diferença frente a outras concorrentes. 

SITUAÇÃO CURIOSA

Se as emissoras não ligam para a programação da tarde de segunda a sexta, nos fins de semana não é diferente.

No domingo, a disputa segue com intensidade. Nos sábados, além da Globo, só o SBT promete fazer algo, com o novo programa do Celso Portiolli. 

NÃO ESTÁ CERTO

Ainda não existe decisão nenhuma na Record de exibir capítulos ‘O Rico e Lázaro’ também aos sábados.

Foi uma ideia que existiu, e chegou-se a falar sobre ela, mas até agora ninguém bateu o martelo. Por enquanto, acontecerá de segunda a sexta.

SÉRIAS DÚVIDAS

Essa iniciativa de colocar novelas, ou pelo menos uma delas, também aos sábados, não agradou a todos os setores da Record.

Há quem desaprove a medida,entendendo que não existe nenhuma necessidade de mexer com o que está funcionando direito. 

QUASE PRONTA

Edmara Barbosa está dando os últimos retoques na sinopse de ‘O Arroz de Palma’, que poderá ser colocada na fila das 18 ou 19 horas.

A novela, na definição da autora, gira em torno da saga de uma família portuguesa que chegou ao Brasil cheia de sonhos e projetos. 

CUIDADO!

Dentro da própria Globo existe a certeza de que o ‘Zorra’ é mais um daqueles que se enquadram como programa de humor, mas não conseguem ser engraçados.

E, perigosamente, o ‘Zorra’ tem se aproximado muito mais daquilo que o Multishow tem aos montes, com resultados nem sempre dos mais satisfatórios. 

RISCO DESNECESSÁRIO

Nos especiais da Record, neste fim de ano, ficou demonstrado que Sérgio Marone, como apresentador, é um bom ator.

Esse seu desejo de trocar de função, só poderá comprometer uma carreira que, finalmente, depois de muitos anos de luta, passou a se encaminhar muito bem. 

POR ENQUANTO

Os trabalhos relativos ao próximo ‘Power Couple’, por enquanto, estão limitados aos convites que continuam sendo feitos para os seus prováveis participantes. As gravações, diz a Record, terão início no final de janeiro, para estrear em março.

Últimas de Diversão