Por bianca.lobianco
Jairo Mattos%2C Taumaturgo Ferreira e Ângelo Paes LemeDivulgação

Rio - Os atores Ângelo Paes Leme, Taumaturgo Ferreira e Jairo Mattos, apaixonados por motos, começaram a filmar uma web série para o Youtube. O reality vai mostrar a aventura durante cinco semanas rumo à Patagônia, na Argentina. ‘Tamo Indo!’ vai mostrar todo tipo de desafio, inclusive o financeiro. Os recursos serão limitadíssimos.

Pela América do Sul...
O diretor Berry Skynner e as produtoras Bianca Lacet e Anna Sophia Folch estão entusiasmados com o início da produção e contam que já estão pensando nos próximos destinos, também na América do Sul. 

Acordes que unem!

O craque dos violões Yamandu Costa, músico querido e muito ligado às questões sociais, faz uma apresentação especial este mês com uma meninada das comunidades do Morro dos Macacos, Complexo do Alemão e Pavão-Pavãozinho. Os jovens fazem parte da Ação Social pela Música do Brasil. Yamandu conheceu o trabalho deles durante um festival em João Pessoa, na Paraíba, há alguns meses. A camerata de adolescentes foi se apresentar, e o violonista se encantou com o som dos jovens cariocas. O músico procurou a diretora do projeto, a violoncelista Fiorella Solares, e disse que gostaria de ajudar de alguma forma. Dias depois, surpresa! Veio o convite para que participasse de uma apresentação especial, nos dias 13 e 14 de janeiro, na Sala Cecília Meireles. 

BATE PAPO

A nossa convidada de hoje é a jornalista Patrícia Mayer, que ao lado da sócia Patrícia Quentel, organiza todos os anos a Casa Cor RJ. Ela falou à coluna sobre as novidades da edição deste ano.

PATRICIA MAYER%2C organizadora do Casa Cor Divulgação

Fale um pouco sobre seu momento profissional.
Terminamos a 26ª edição da Casa Cor. Foi um evento um pouco menor, mas com um jardim lindo, de 5 mil m², e a casa de 1.000 m². Tivemos muitos bons arquitetos. Foi um ano mais difícil em tudo, mas conseguimos realizar. Isso deu muita satisfação.

Quais serão as novidades para este ano?
Temos algumas ofertas de locais. Mas dificilmente vamos conseguir fazer numa casa. Porque depois da Casa do ano passado, será difícil encontrarmos uma nova casa melhor tão rápido.Talvez a gente opte por algo mais alternativo, como já fizemos anteriormente. Virá uma surpresa. Vamos quebrar paradigmas de novo, assim como fizemos na Villa Aymoré, há dois anos. Além de olhar para a próxima Casa Cor, queremos atuar em outros eventos, assim como fizemos o Vogue Square, na Barra.

Fale um pouco como foi esse trabalho.
No Vogue Square, nós fizemos a curadoria dos arquitetos. Cada um fez um restaurante. Virou uma opção boa na Barra. Foi um trabalho que nos deu muita satisfação. Queremos este ano fazer outros eventos relacionados à nossa área.

Quais são as últimas tendências da decoração?
Hoje em dia, as pessoas querem liberdade. Uma vida mais simples, mantendo só o essencial. Vejo que as pessoas querem ter o que é importante para viver bem em sua casa. Eu acho que isso acontece em todas as esferas. Você não quer mais uma casa para mostrar para a visita. Você quer viver em sua casa. As pessoas estão fugindo do acúmulo.

Uma dica?
Uma dica de decoração é cor. Vivemos numa cidade que inspira. Temos cor o tempo todo. Almofadas coloridas, objetos com cores... Temos que dar vida à nossa casa. Sou fã da cor bem colocada. Isso é Rio de Janeiro.

Você pode gostar