Por tabata.uchoa
Bárbara Evans posa com o figurino de Líviaarquivo pessoal

Rio - Bárbara Evans, 25 anos, levou um susto quando estava esticando o Réveillon em Jurerê (SC) no dia 2 de janeiro de 2015 e recebeu um convite para viver Lívia, uma personagem de destaque em ‘Dois Irmãos’, minissérie da Globo.

“Tive tempo de me preparar. Tive aulas de voz, aulas de dança, leituras. Pude aproveitar muito e suguei o maximo que consegui. É tudo muito incrível o Luiz (Fernando Carvalho, diretor) me deu uma grande oportunidade. Na verdade não tem que pensar muito, tem que acreditar, entrar na personagem e fazer acontecer. Tem que acreditar para passar credibilidade aos outros”, comemora.

A TRAMA
Na trama adaptada do livro homônimo de Milton Hatoum, Bárbara vive uma jovem que é disputada pelos irmãos Omar e Yaqub (ambos interpretados por Cauã Reymond). Em comum com a personagem, a atriz novata acredita não ter muita coisa. “A Livia é muito decidida. Já eu, não, sou indecisa até demais. Vivo na dúvida (risos). Ela tem uma presença muito forte, consegue ser o anjo e o demônio ao mesmo tempo”, define.

DISPUTADA POR DOIS?
Ser disputada por dois irmãos não é uma para muitas. No caso de Bárbara, ela garante que nunca viveu nenhuma situação parecida. “Graças a Deus não (risos). Não saberia como lidar ainda mais por ser tão indecisa, né? Aí que não ia ter jeito mesmo!”, brinca. O público ainda está dividido sobre o real amor de Lívia na minissérie. Bárbara explica se existe um jogo entre eles ou não, se a loura realmente gosta de alguém de verdade. “O começo, quando eles eram crianças sim, tinha um jogo. Mas ela fazia sem maldade, eram crianças, não sabiam muito bem o que estava acontecendo, né? Tudo é uma descoberta nessa idade. Depois de adulta, creio que não. Ela não gosta do jeito do outro gêmeo (Omar). Uma mulher segura de si precisa de um grande homem ao seu lado e esse grande homem é o Yaqub. Ela o ama e é com ele que ela se casa”, afirma.

PREPARADA PARA CRÍTICAS
Sendo essa sua primeira incursão na teledramaturgia — aos 14 anos, ela até fez um teste para ‘Malhação’, da Globo, mas não vingou —, Bárbara garante estar preparada para eventuais críticas em relação ao seu desempenho na TV. “Eu quero que gostem do meu trabalho, em qualquer cena. Quero que vejam o meu esforço, que uma novata chegou lá e conseguiu fazer aquilo. Porque nenhuma cena foi facil. Quero que valorizem o meu trabalho e o meu esforço”, explica.

“Eu não ligo muito para críticas, porque sempre recebi muitas. Não só eu, como minha mãe. Então já estou vacinada contra isso, não ligo para o que falam. Quero mais que falem mesmo”, provoca a filha da apresentadora Monique Evans com o empresário José Clark. Aliás, a própria Monique Evans ficou toda orgulhosa da filha quando soube que ela estaria em uma minissérie da Globo. “Me apoiou muito, me acalmou e me deu todo suporte que eu precisava. Mãezona coruja e orgulhosa demais”, acrescenta.

FIGURINO
O figurino de época é algo que encantou a atriz. O trabalho da figurinista Thanara Schonardie é só elogios. “Cada figurino um mais rico que o outro. A Thanara fazia as peças no meu corpo, são todas lindas demais. Até fiquei com vontade de ter nascido naquela época. E o incrível é que pode abusar, quanto mais elementos, mais lindo ficava. Teve até um figurino que ela pintou a mão. Maravilhoso!”, derrete-se.

CAUÃ REYMOND
Na história, Bárbara contracena com Cauã Reymond — que foi apontado como seu affair durantes as gravações da produção. Sobre o ator, Evans resume: “Cauã é um super parceiro, teve paciência comigo me ajudou nos demos super bem nas gravações”. Segundo a atriz, a recepção de todo elenco foi muito positiva. Desde Ary Fontoura, Eliane Giardini, Juliana Paes e todos os demais. “Só tenho o que agradecer. Todos me trataram muito bem”, conta.

CENAS SENSUAIS
Nem as cenas de sexo e muito menos as sequências em que apareceu nua foram um problema para a nova atriz. “Tudo é uma arte, ali ninguém está brincando e todos estão trabalhando para que saia o mais perfeito. Para isso, precisamos de muita concentração e respeito. Foi tudo bem”, salienta. “Acho que todas as cenas têm dificuldades iguais, sexo, choro, riso”, completa.

VIDA AMOROSA
Solteira desde outubro de 2016 — quando terminou o relacionamento com o empresário Fabrício Assunção —, Bárbara só tem olhos para o trabalho nesse momento. “Estou na correria, nem dou muita oportunidade. Não saio, sou meio caseira. Enfim, não tenho muito para onde correr. Óbvio que eu acabo focando no trabalho”, afirma. Mas aos marmanjos interessados em conquistar o coração da bela loura, atenção para a dica dada pela própria. “Eu sou bem eclética, não há coisas certas para me conquistar. Acaba acontecendo. Só não gosto de problemas. O homem tem que ser parceiro, companheiro, para somar e não para me causar estresses”, dispara.

CANTADAS DE MULHERES
Aparecendo em uma minissérie da Globo, Evans não acredita que o assédio irá aumentar. “Já sai em tantas revistas e sites, acho que vai continuar a mesma coisa”, prevê. Já foi cantada por mulheres? “Já, sim (risos), muitas. Respeito demais, só não sou dessa praia (risos). Sempre explico na brincadeira e elas sempre entendem nunca tive nenhum tipo de problema com isso”, confessa.

FUTURO DE ATRIZ
Com o intuito de investir na carreira de atriz, Bárbara tem planos de continuar na nova profissão. “Já fiz três meses de teatro, mas parei. Agora pretendo voltar sim pois quero continuar seguindo essa carreira. Queria interpretar alguma vilã bem malvada. Quero continuar atuando, quero muito. E vou dar tudo de mim para continuar nessa área”, promete.

POSAR NUA
Em dezembro de 2011, Bárbara posou nua para a ‘Playboy’. Quando perguntada se ela se arrepende. “Não me arrependo, mas também não faria de novo. Acho que tudo na nossa vida são fases e essa minha fase passou. Foi lindo, mas não é o que eu quero para minha vida hoje”, conta.

MILIONÁRIA
Vencedora do reality ‘A Fazenda’, na Record, em 2013, no qual faturou R$ 2 milhões, Bárbara conta que o prêmio está muito bem, obrigado. “Sou megaeconômica, mas como toda mulher, às vezes, tenho uma caída e compro bolsas, sapatos, enfim, coisas de mulher”, entrega, bem-humorada.

Você pode gostar