Lili Rodriguez: Encontro de gerações...

Uma turma de lendas se reuniu no palco do Bailinho, que movimentou o Centro do Rio no final de semana

Por O Dia

Rio - Uma turma de lendas se reuniu no palco do Bailinho, que movimentou o Centro do Rio no final de semana. No comando de Rodrigo Penna, os DJs Marquinhos Mesquista, Memê (que trabalhou junto com Lulu Santos) e Zé Pedro (um dos prediletos de Adriane Galisteu). Até mesmo o ator Lucio Mauro Filho se arriscou nas carrapetas. A atriz Alexia Dechamps aproveitou a festa para comemorar a reestreia da peça “Dorotéia”, no Sesc. “O Bailinho tem isso, junta gerações e mistura varios estilos musicais”, comentou. 

Senhores doutores

Que o verão é a estação preferida dos cariocas, todos sabem. Mas não só a pele requer cuidados. Além dos tradicionais protetores solares, o Dr. Jair de Castro falou sobre os principais problemas de saúde que acontecem nos dias mais quentes.

Quais os principais problemas do verão?

Nesse verão, em especial, um deles são as dores de ouvido, decorrentes de inflamação após o banho de mar. Também têm os problemas inflamatórios em decorrência do próprio frio do ar condicionado. A pessoa trabalha no ar condicionado e depois vai para rua, onde está muito calor. O choque térmico, por si só, já é um fator desencadeador do processo inflamatório.

O stress também desencadeia problemas?

Nós estamos vivendo um problema difícil na área de economia. Todo esse cenário provoca stress e as pessoas reclamam de problemas como barulho e pressão no ouvido, rouquidão, tosse, pigarro e tonturas. O labirinto, parte do ouvido que é responsável pelo equilíbrio, é um sinalizador de que algo não vai bem no corpo. O stress piora todas as doenças. Conviver com uma doença e ao mesmo tempo com problemas pessoais torna a situação mais difícil ainda.

Novidades na área?

Um ponto importante é em relação à surdez. Na medicina, toda diminuição de audição já é considerada surdez. Traz muitos problemas para crianças no aprendizado; para os adultos, na convivência familiar e profissional; e para os idosos, que acabam perdendo a parte de convívio social. O diagnóstico ficou apurado e agora existe uma série de possibilidades para atender todos os tipos de pacientes, com qualquer nível. 

E o futuro?

Estamos melhorando o combate aos problemas de audição, além dos melhores diagnósticos de lesões tumorais no nariz e laringe. Em relação à questão da alergia respiratória, estamos evoluindo. E o tratamento da sinusite crônica, que muita gente acha que não tem cura, hoje pode ser feito com um diagnóstico bastante eficaz. 

Força total!

O ator Roberto Bonfim está de volta. Após colocar um balão gástrico e perder 30 quilos nos últimos 10 meses, decidiu que vai escrever um livro. Contará a história do Teatro Universitário Carioca (TUCA), movimento que ajudou a criar nos anos 60. Bonfim passou um período usando cadeira de rodas, mas voltou a andar no Natal. Agora, ele planeja o retorno à TV e ao teatro em março. O ator também foi convidado para desfilar no bloco baiano Filhos de Gandhi. Bem-vindo!

Últimas de Diversão