Fernanda Lima conta que ser roteirista do 'Amor & Sexo' é um drama

Ela diz que encara uma preparação quase de atleta e que faz tudo com amor

Por O Dia

Rio - As noites de quinta-feira não serão as mesmas se você for para cama sem Fernanda Lima. A partir de hoje, ela volta a comandar o ‘Amor & Sexo’, programa que traz sem preconceito os muitos lados que envolvem ambos temas. Casada há 15 anos com o apresentador Rodrigo Hilbert, e mãe dos gêmeos João e Francisco, de oito anos, a loura conta que acha importante levar para casa as discussões abordadas na atração.

“Não é uma atriz com um personagem, sou eu ali. Tem que ser o que eu enxergo do mundo. Até uma certa idade meus filhos não assistiam. Mas aí eu comecei a ter relatos de gente que vinha até mim para dizer que deixava o filho ver. Quando eles fizeram oito anos, eles pediram pra ver e eu pensei: ‘por que não?’. Se é para aprender, melhor que seja assim, de um jeito divertido e correto, sem preconceitos, para ir assimilando as coisas”, confessa.

Fernanda com Regina Navarro%2C Mariana Santos%2C José Loreto%2C Dudu Bertholini%2C Eduardo Sterblicth e Otaviano CostaDivulgação

Sucesso no casamento

Para manter a chama do casamento acesa, a apresentadora explica que não existe uma fórmula de sucesso, ou cartilha a ser seguida, mas que o livre diálogo é peça fundamental para um relacionamento duradouro.

“A relação vai acontecendo e, de tempos em tempos, vai se redescobrindo. Há 15 anos atrás não tínhamos filhos, nem a casa, a gente só tinha sonhos. A gente vai conquistando coisas e o casamento vai se tornando outra coisa. É importante às vezes olhar para o outro e tirar um tempo só para o casal. Tem que regar diariamente, tomar cuidado, se admirar, se respeitar e cuidar com os excessos”, frisa.

Destaques da temporada

Entre as novidades desse ano, a atração contará com a participação de Eduardo Sterblicht, que passa a dividir a bancada com Otaviano Costa, Mariana Santos, José Loreto, Regina Navarro e Dudu Bertholini. Entre os convidados estão Paulo Zulu – que no ano passado teve uma foto dele nu vazada na internet – Elza Soares e Karol Conká.

Fernanda no palco de 'Amor e Sexo'Divulgação

“Pelo fato da gente estar fazendo a décima temporada, o programa está mais maduro. Tratamos os temas de forma mais profunda, mais madura, sem perder o bom humor, a leveza e a diversão com que abordamos os assuntos”, observa a diretora Daniela Gleiser.

No ar desde 2009, o programa ‘Amor & Sexo’ mostra que tem fogo, e muito fôlego para quantas temporadas surgirem.  “Fica aquela apreensão de fazer uma temporada melhor, evoluir a cada ano. Mas a sensação de ver o sorriso de satisfação das pessoas, cada vez que me perguntam se o programa vai ter volta, e eu digo que sim, compensa qualquer dificuldade e preocupação na escolha de roteiros e pautas”, salienta a apresentadora.

Rotina puxada

Quando a porto-alegrense de 39 anos diz “dificuldade” e “preocupação” é porque a sua vida vira de cabeça para baixo nos meses que se antecedem ao lançamento de cada temporada. No caso desta, os preparativos começaram em junho.

Para quem não sabe, além de apresentar, Fernanda ainda faz parte da equipe de roteiristas do programa. “Fazer parte de um roteiro é um drama (risos). Somos cinco cabeças, que pensam parecido, buscando referências, pesquisando e remoendo os temas. É um diálogo. A gente faz uma escaleta e vai enxertando os assuntos, e costurando. Durante três meses nos dedicamos à elaboração de ideias e roteiro”, conta.

Preparação de atleta

Mas não ache que é só isso. Nos meses finais, antes da gravação, ela inicia as aulas de canto, balé, de reforço para a coluna e todas as preparações corporais possíveis para começar a ensaiar as coreografias, colocar voz nas músicas. “É quase uma preparação de atleta”, compara. A partir desse momento, a equipe começa a fechar os programas de fato, fazendo com que 50 páginas virem 20, por exemplo.

“E eu vou começando a pensar o programa na forma de apresentação, coloco no meu estilo, imprimo, começo a ler”, explica. Em seguida, vêm, então, os ensaios, a gravação e depois também a participação da loura na aprovação da edição até o programa ir ao ar. “Ou seja, eu cuido da criança até o final (risos). Quando eu vou apresentar já quase que decorei aquele programa. Sou apegada e apaixonada por esse programa”, derrete-se.

Missão do programa

Falar em prol da igualdade, tentando dar voz às minorias e derrubando preconceitos são só algumas das intenções do ‘Amor & Sexo’. E a apresentadora acredita que o debate sobre amor e sexualidade sempre vai existir e que sempre será muito rico.

“Felizmente o Brasil está aberto a esse diálogo diante de tantas culturas que matam seus homossexuais, extirpam clitóris das mulheres e promovem casamentos de adultos com crianças, por exemplo. Porém, mesmo aqui, estamos enfrentando um triste movimento de ideias retrógradas, e é contra isso que vamos falar sempre”, salienta.

'Sou uma voyeur’

Fernanda revela que adora acompanhar a repercussão dos programa nas redes sociais. “Eu não sou muito de ficar postando, mas sou uma voyeur”, conta. Para ela, por causa da internet, as pessoas ficam sabendo de fatos que não saberiam em outros anos.

“Tem um grupo de pessoas se movimentando, fazendo trabalhos excelentes. Acho que nesse aspecto a internet vem ajudando muito, principalmente à causa feminista”, afirma. Apesar do sexo ainda ser tabu, Fernanda Lima encara com firmeza o seu papel. “A gente vai tratar de assuntos que podem incomodar, mas vamos falar porque precisamos”, defende.

Últimas de Diversão