Por karilayn.areias

Rio - Record, SBT e RedeTV!, de maneira direta, têm evitado se manifestar sobre o enfrentamento com as operadoras, preferindo que a Simba, joint-venture criada por eles, se encarregue da questão. Negociação e divulgação. Passados, hoje, 20 dias desde o desligamento do analógico em São Paulo e a interrupção do sinal dessas emissoras na Net, Sky, Oi e Claro, não se observou até agora, nem para um lado ou outro, evolução alguma no caso. O quadro é rigorosamente o mesmo do começo, nos levando a entender que há um jogo muito duro nos bastidores, com nenhuma das partes disposta a ceder em suas convicções, pretensões ou imposições. A dúvida de todos é: no que tudo isso vai dar? E até que ponto SBT, Record e RedeTV!, com inevitáveis dificuldades comerciais, irão suportar consequente queda em seus faturamentos?

Quanto ao telespectador ou assinante, o único esquecido e vilipendiado em toda a questão, só resta aguardar o desenrolar dos acontecimentos.

NÓIS AQUI

Por mais estarrecedoras que sejam as declarações de Emilio Odebrecht, as imagens e reações do seu advogado, sorrindo debochadamente ao lado, me fazem lembrar Roberto Jefferson. E devem despertar nas pessoas as reações mais primitivas.  

FECHOU A DATA

Fox bateu o martelo em relação à data de estreia da sitcom ‘Prata da Casa’, a primeira do grupo no país. O primeiro capítulo será exibido dia 10 de maio, a partir das 21h30. O elenco reúne Pedro Paulo Rangel, Diogo Vilela, Françoise Forton, Juliana Schalch e o protagonista, Rodrigo Pandolfo.

BATE E VOLTA

Luiz Bacci está bem preparado fisicamente. Terminou na sexta seu programa na Record, pegou o avião para Miami, assistiu ao show do Wesley Safadão e na manhã de domingo já estava de volta. Sabrina Sato também gravou lá com o cantor e a família. 

TEM BRONCA

Pedro Paulo Rangel está na bronca, reclamando do sensacionalismo e edição de reportagem sobre ele no ‘Domingo Show’. “Que loucura é essa TV Record?! Por que me retrataram como um doente inválido? Minha DPOC está sob controle e nunca parei de trabalhar. A opção de não fazer novelas foi tomada por mim apenas porque já as fiz por 40 anos, então dou este karma como cumprido”. 

FORA DE HORA

Cada dia é mais forte a convicção que Record, especialmente, e depois SBT e RedeTV! deveriam ter conduzido a questão de maneira diferente e em um momento que fosse mais oportuno. Ainda mais num instante de crise e dificuldades tão sérias atravessadas pela maior parte do povo no país. 

NÃO BASTASSE
A Record, como maior prejudicada, tem sérios problemas na recepção do seu sinal digital. De todas, o dela é o pior. Em alguns lugares, simplesmente não pega. Tem programa que perdeu quase 60% da sua audiência. 

PADROEIRA

A TV Aparecida estreou ontem, 19h, a novela ‘A Padroeira’, de Walcyr Carrasco. 

E OUTRA...

O telespectador, impedido de acompanhar novela bíblica da Record e se viu obrigado a buscar outra opção, será que ele já não se acostumou com isso.
A Globo, só como exemplo, estreou ‘A Força do Querer’ em meio a tudo. E se o problema, ainda restrito a São Paulo, já assume esta dimensão, é de se imaginar o tamanho do estrago quando chegar ao Rio e a Belo Horizonte, além de outras importantes capitais e cidades do país.


Você pode gostar