Após incêndio em teatro, atriz encenará peça na porta do Shopping da Gávea

Izabella Van Hecke é a protagonista do monólogo 'Super Moça'

Por O Dia

Rio - A atriz Izabella Van Hecke, protagonista do monólogo "Super Moça", vai encenar a peça neste sábado, às 19h, na porta do Shopping da Gávea, na Zona Sul do Rio. O espetáculo já estava com a estreia marcada no Teatro Clara Nunes, mas o local foi atingido por um incêndio na terça-feira. 

"Faremos a nossa peça na rua como um ato político para demonstrar o que a mestra maior, Maria Clara Machado, nos ensinou: para se fazer arte, teatro, basta um ator empenhado em seu texto, um pedaço de chão e uma platéia para nos aplaudir", diz um comunicado enviado pela produção nesta sexta-feira.

A atriz Izabella Van Hecke estará na porta do Shopping da Gávea para a 'estreia' da peça 'Super Moça'Divulgação

Confira o comunicado:

"Por respeito a vocês que compraram o ingresso para nossa estreia, que aconteceria amanhã às 19h, por respeito aos profissionais que se dedicaram em tempo integral, sem medir esforços para que este espetáculo estivesse de pé, e a todos que estão solidários conosco, a nossa Super Moça Pérola estará vestida com seu figurino antigo, maquiada, penteada e de braços abertos, na porta do Shopping da Gávea, recebendo vocês.  Faremos nossa peça na rua como um ato político para demonstrar o que a mestra maior, Maria Clara Machado, nos ensinou: para se fazer arte, teatro, basta um ator empenhado em seu texto, um pedaço de chão e uma platéia para nos aplaudir. Esperamos todos lá"

Relembre o caso

Um incêndio atingiu o Teatro Clara Nunes, no terceiro piso do Shopping da Gávea, Zona Sul do Rio, na tarde de terça-feira. Nove pessoas foram socorridas e sete precisaram ser encaminhadas para o Hospital Miguel Couto e a coordenação de Emergência Regional Leblon, a maioria devido à inalação de fumaça. Dentre as vítimas, a única mulher sofreu de um mal súbito ao passar próximo ao local.

Segundo relatos de clientes, a fumaça chegou até o sexto piso do shopping. De acordo com o Centro de Operações da Prefeitura, o trânsito na Rua Marquês de São Vicente foi interditado parcialmente. O fluxo é lento no trecho. O diretor de teatro Márcio Araújo, 45 anos, que montava a peça 'Supermoça' no teatro, conversou com O DIA sobre o incidente. 

"Estamos todos muito abalados, estrearíamos em três dias. O produtor, Rafael Carretero, vendeu um carro para bancar essa peça. A atriz, que é comissária de bordo, pediu licença da companhia aérea para estrear conosco. O prejuízo é de R$ 26 mil. O teatro estava lindo e meu cenógrafo, de 65 anos, estava na hora em que as chamas começaram, na plateia. Ele e mais dois garotos da equipe ainda tentaram apagar o fogo mas, como o lugar tem bastante plástico, o incêndio se espalhou rapidamente. Parecia um filme de terror", disse

Últimas de Diversão