'Chamar outra pessoa de pobre não é ofender', diz a ex-BBB Emilly

Vídeos nas redes sociais mostram a gaúcha em um camarote chamando uma mulher de 'pobre'

Por O Dia

Rio - A ex-BBB Emilly Araújo usou o Twitter para comentar os vídeos que circulam nas redes sociais, em que aparece em um camarote chamando as pessoas de "pobres" durante o Festival Villa Mix, que aconteceu em Goiânia neste final de semana. 

Emilly AraújoEmilly Araújo

"No vídeo eu estou discutindo com uma menina e não a pista toda. Ela me chamou de pobre, me xingou, ofendeu minha família e amigos e ainda jogou um copo de água no camarote onde eu estava. Ela inclusive foi retirada pelos seguranças", disse a ex-BBB. 

"Chamar outra pessoa de pobre não é ofender. Eu apenas respondi e tenho muito orgulho da minha origem. Não sei qual a origem daquela menina, mas pobre de espírito ela é para ter ido lá só para me xingar! Sei que agi errado em ter respondido. Meus fãs e amigos pediram para que eu não reagisse, mas não tenho sangue de barata", completou. 

A ex-BBB seguiu falando que recebe ofensas todos os dias. "Meus amores! Vocês me conhecem... Isso nunca aconteceria se eu não tivesse chegado no meu limite! Sou ofendida todos os dias e fico calada! A menina provocou muito! Fez de tudo para me tirar do sério... Esqueceu do Maluma no palco. A menina foi dizer que eu sou verme, que eu ia dar golpe da barriga. Tocou água em mim! Eu falei que sou 'rica' não preciso disso e ela é pobre! Eu errei em responder! Sou uma pessoa pública, mas não sou um robô! Sempre aprendo com tudo que acontece, seja bom ou ruim! Me perdoem caso algum de vocês tenha se ofendido com o que aconteceu", finalizou.


Últimas de Diversão