Flávio Ricco: Novo erro na programação afunda audiência da Record

Foi tudo que a Record não observou, embora não faltassem avisos, ao se decidir pelas mudanças recentemente colocadas em prática

Por O Dia

Rio - Em toda a TV, mas especialmente naquilo que diz respeito à montagem de uma grade de programação, o arroz com feijão bem temperado é e sempre será a receita infalível.

Foi tudo que a Record não observou, embora não faltassem avisos, ao se decidir pelas mudanças recentemente colocadas em prática no seu começo de noite, entre outras, a reexibição de “Os Dez Mandamentos”. A derrubada, como era de se esperar, já aconteceu.

Primeiro que faltou respeito ao Marcelo Rezende, afastado por doença, em tirar o “Cidade Alerta” de várias praças e diminuir a sua duração em outras. Depois que fatores como mudança de público ou potencial do horário, para o caso reprise de novela depois de noticiário policial, com toda certeza não foram observados.

E o resultado aí está, com o desmoronamento de toda a faixa noturna. Se algum efeito existiu, foi ajeitar a vida ou fazer a alegria da concorrência, com SBT e Bandeirantes, principalmente, sabendo tirar bom proveito de toda essa barbeiragem.

E agora para consertar?

Tá dentro

Brendha Haddad também acertou com a Record para integrar o elenco de “Apocalipse”, a próxima bíblica.

Este será o seu terceiro trabalho consecutivo em novelas da casa, depois de “Os Dez Mandamentos” e “A Terra Prometida".

Apelação

O que se verifica, especialmente nos domingos, como foi comentado aqui recentemente, é que alguns programas misturam emoção com tragédia.
Ou não sabem a diferença entre um e outro.

Mais um

Além do programa na rádio Bandeirantes, José Luiz Datena terá em breve outro na rádio Trânsito, também do Grupo Band. Só que bem no começo das manhãs.
E assim como já vem fazendo, irá continuar usando esses espaços para entrevistas com diferentes personalidades.

Vai fechar - 1

Até o começo da semana que vem, a lista dos participantes da “Fazenda” será apresentada pelo diretor Rodrigo Carelli ao número um da Record, Marcelo Silva.
No meio disso, o inesperado foi contornar tantos oferecimentos.

Vai fechar – 2

A partir do momento em que surgiu a ideia de contar com ex-participantes de outros programas, a fila de interessados superou a expectativa.

Não foi uma tarefa fácil para o Carelli administrar tamanho número de interessados.

Glamour

Foi com todo esse figurino, com direito a máscara, a gravação da Camila Queiroz para o do “Baile de Máscaras” que vai agitar o capítulo de “Pega Pega” nesta sexta-feira.

Saúde boa

Mesmo com a saída da Ultrafarma, deixando vagos os diversos espaços que ocupava, a direção da TV Gazeta – SP optou por não revender esses horários para outros concessionários. A partir de agora eles serão usados para reprises dos seus próprios programas.

Desde muito tempo, essa emissora tem a sua vidinha bem controlada.

Posição interessante

A única igreja presente na programação da TV Gazeta – SP é a Universal.
E mesmo não existindo nenhum compromisso de exclusividade, já de muito tempo existe a decisão de não vender horários para igrejas concorrentes.

Passando a limpo

Os direitos de “Éramos Seis”, adaptação do Silvio de Abreu exibida em 1977 na Tupi e em 1992 no SBT, agora são da Globo.

Há, por parte dele, Silvio, o desejo em refazer, porque é uma boa história e sempre será bem-vinda. Mas no momento existem muitas produções pensadas e engatilhadas. Se isso acontecer será bem mais para frente.

Jornal com plateia

Cumprindo promessa de muito tempo, pela primeira vez o “Jornal da Cultura” foi apresentado com plateia, formada por alunos da faculdade Zumbi dos Palmares, na noite de quarta-feira.

Apresentação de Willian Corrêa, com as participações de Luiz Felipe Pondé e Ricardo Sennes.

Últimas de Diversão