Lili Rodriguez: Música e solidariedade

Yara Figueiredo faz show na Garcia D'Ávilla em mais uma ação do Outubro Rosa

Por O Dia

Rio - Mais uma ação positiva para o Outubro Rosa. Aconteceu na Casa Ipanema, a tarde animada na Garcia D'Ávilla teve show da joalheira e cantora Yara Figueiredo, com uma música inédita, 'Seguro a Sua Mão', que os convidados amaram. A Grendene lançou uma peça exclusiva, e a renda foi revertida para a Fundação Laço Rosa.

CONECTANDO

Alessandra Vaz expõe na Búzios Arts, na galeria de arte BRD34. A artista homenageia Chico Buarque, com tela estilo Pop Art. A vernissage é hoje, às 19h30.

O coworking do Via Brasil Shopping recebe a palestra 'Força da Mulher no Mercado de Trabalho', dia 18, às 14h. Grátis.

O convidado de outubro no 'Depoimentos para a Posteridade' será o compositor Ronaldo Bastos. Dia 25, no MIS, na Praça 15, às 13h30.

No mês das crianças, o shopping Village Mall tem a exposição 'Acredite, É Verdade!', mostra desenvolvida pelo NatGeo Kids. Até dia 25. Grátis.

Marcio SWK expõe a tela 'Meu Jardim Nunca Foi Tão Florido' no festival Arte Core. Na programação tem oficinas, exposições, shows, DJs, bate papo com artistas e campeonato de skate. Acontece no MAM, sábado e domingo, das 10h às 22h. Grátis.

A Zamboni, distribuidora do Rio, está de cara nova. O conceito é da agência Tátil.

DOIS DEDOS DE PROSA

CANDÉ SALLES, cineasta

Ele acaba de lançar 'João de Deus O Silêncio É Uma Prece', seu segundo longa, durante o Festival do Rio.

O que te aproximou do João de Deus?

Conheci a história do médium João através de um amigo de São Paulo que teve sua ex-mulher curada por ele. Ela estava desenganada pela medicina convencional e foi procurar ajuda em Abadiânia. E foi curada. Me interessei muito e, quando conheci o médium, imediatamente tive a certeza de que tinha de contar essa história para o mundo.

Como foi essa experiência?

Comecei a filmar em 2012. Morei seis meses em Abadiânia e fiz 6 viagens internacionais com ele. Durante esses 5 anos, pude filmar seu dia a dia, sua intimidade, seu trabalho. Com o aval dele, comecei esse processo de filmar e, ao mesmo tempo, entender e me entregar ao que afirmo ter sido a melhor mudança de minha vida.

O que mais te encantou?

O trabalho de doação feito por ele. A casa da sopa, que é mantida por ele, doa 1.500 pratos de comida três vezes na semana para as pessoas que sentem fome. Lá também tem uma biblioteca, onde são doados livros e materiais escolares para quem não tem dinheiro. Tem o baile dos velhinhos que ele faz para os senhores dançarem e sentirem alegria. É lindo e me emociona muito.

Está feliz por ter finalmente concluído esse desafio?

Muito feliz. É muito difícil você fazer um filme dentro de uma casa espiritual. As leis são outras. Foi Deus que me guiou. Ganhei um pai, um guia espiritual e um melhor amigo que vou cuidar até o fim da minha vida.

Conte uma novidade.

Meu próximo documentário, que será sobre a cantora Marina Lima. O lançamento será no ano que vem, no Canal Curta.

Últimas de Diversão