Por raphael.perucci
Há cerca de um mês, Preto Joia admitiu para o DIA na Folia o desejo de voltar aos microfones de uma grande escola do Carnaval carioca. Agora, a novidade é a realização do desejo do cantor. Contratado pela Mangueira, o intérprete não escondeu a alegria e ainda ressaltou o período de boas vibrações após ter revelado o desejo de retornar à ativa.
"Olha, aquela entrevista me deu sorte, hein? (risos). Estou muito feliz, o convite feito pela Mangueira me deixou muito animado, ainda mais na gestão do grande amigo Chiquinho. Estou naquela espera para ser apresentado à comunidade e conseguir fazer um grande trabalho para ajudar a escola. Salve a Mangueira!", disse Preto, que ainda exaltou a nova fase que a Verde e Rosa está vivendo.

Animado para lutar por títulos
Publicidade
"Essa será uma gestão de mais credibilidade, dará à Mangueira uma grande retomada. Mesmo com o bom trabalho feito pelas diretorias anteriores, essa do Chiquinho terá um grande diferencial. Será uma era onde toda a Nação mangueirense e os grandes sambistas irão se unir em prol do grande nome que a escola tem. Tenho a certeza que serão grandes Carnavais", projetou.
Outro fato que marca a contratação de Preto Joia é o crescimento da equipe de canto verde e rosa. Com Luizito e Eraldo Caê já confirmados, Preto chega para integrar o grupo e somar ainda mais com a equipe. Ao comentar o trabalho em conjunto, o intérprete demonstrou um lado otimista e ainda ressaltou já ter feito trabalhos deste tipo.
Publicidade
"É uma experiência bacana. Esse fato começou comigo, na Imperatriz. Lancei esta moda em 2002, com o Rixxa, e depois cantei com Dominguinhos e alguns outros. Atualmente isso pegou, muitas escolas estão apostando neste trabalho em grupo. Eu acho que vai ser muito bom, muito legal. Luizito e Eraldo são grandes intérpretes e quando o objetivo é para o melhor da agremiação tudo dá certo", concluiu.