Por tabata.uchoa
Camarote tem 1.325 metros quadrados e diversos serviçosDivulgação

Rio - Pandeiro, repique, chocalho, tamborim, cuíca e batida eletrônica. Este ano, o Sambódromo recebe pela primeira vez o Camarote Paradise Weekend Hotel Urbano, um espaço aberto ao público (os ingressos estão à venda) que traz o conhecido festival de música eletrônica para um cenário bem inusitado: a passarela do samba.

Bob Sinclair, Gui Boratto, Erik Hagleton e Skyblue LMFAO são alguns dos 30 nomes da música eletrônica nacional e internacional que se apresentam no espaço. Enquanto lá embaixo a plateia vibra e torce pela escola do coração, as 1.200 pessoas esperadas diariamente no camarote de 1.325 metros quadrados têm luxo e conforto garantidos.

“Sempre tivemos a ideia de fazer uma coisa inovadora, por conta da ligação dos organizadores do festival com o Carnaval — somos todos cariocas. Unimos um evento que já é conhecido no Brasil e no exterior com a maior festa do mundo, o Carnaval do Rio”, conta Milkon ‘Mac’ Chriesler, um dos organizadores.

A festança, que começou na sexta-feira e ainda acontece hoje, amanhã e no desfile das campeãs, sempre das 20h às 7h da manhã, tem open bar e conta com o bufê estrelado de Monique Benoliel — com direito a jantar, coquetel e até café da manhã.

As camisetas-ingresso podem ser customizadas na hora. Profissionais de um salão de beleza estão disponíveis para quem quiser retocar o look durante a noite. Cadeiras de massagem e tratamentos para os pés também estão incluídos no pacote.

As 11 horas de festa diária serão registradas em cabines de fotos instantâneas espalhadas pelo espaço. Mas também dá para conferir os desfiles: a área tem visão privilegiada para a Marquês de Sapucaí. O preço do ingresso varia entre R$ 1.200 e R$ 3 mil.

A noite de hoje é uma das mais aguardadas pelos fãs de eletrônico. Nome de destaque do gênero, o francês Bob Sinclair se apresenta às 2h30 — mesmo horário em que a Beija-Flor de Nilópolis entra no Sambódromo. Vai ser duro escolher um dos dois.

Você pode gostar