Grande buraco entre ala e último carro complica a evolução da Imperatriz

Escola de Samba de Ramos homenageou Zico

Por O Dia

Rio - Apesar da beleza estética e da empolgação do público, o desfile da Imperatriz contou com problemas pontuais. Além do abre-alas, que desfilou sem o seu destaque, e do terceiro carro da escola, que acabou sendo danificado ao ficar preso no viaduto da Presidente Vargas, a agremiação teve mais um complicador.

Buraco complicou evolução da ImperatrizCaio Barbosa / Agência O Dia

Antes da chegada do último carro na Avenida, abriu-se um enorme buraco entre a ala anterior e a alegoria. Com a falha, é possível que a Escola de Samba de Ramos seja penalizada em evolução pelos jurados na quarta-feira.




Últimas de Carnaval