Por nicolas.satriano

Rio - Contrariando o bom senso, ou apenas na busca de contra-argumentar uma possível falta d'água no estado, dirigentes do Bloco Barbas, que saiu neste sábado em Botafogo, Zona Sul, quiseram mais é que as 15 mil pessoas, segundo os organizadores, que seguiram pelas ruas do bairro se "esbaldassem", ou melhor, se molhassem mesmo. 

O já tradicional caminhão-pipa com 15 mil litros que enxarca os foliões não ficou de fora da festa. O bloco, que se concentrou nesta tarde na Rua Arnaldo Quintela, tem à frente da organização o filho de Nelson Rodrigues, homônimo do pai, Nelsinho (como é conhecido), defendeu o uso do caminhão:

"Não falta tanta água no Rio como dizem. O caminhão tem 15 mil litros. É bem menos do que o desperdício da Cedae no estado."

Caminha-pipa faz a alegria de foliões do Bloco BarbasHélio Almeida / Agência O Dia

Já Ney barbosa, outro diretor do bloco, justificou o enxarque dos foliões com um argumento metereológico."O calor tá grande. E por medo dos foliões passsarem mal, mantivemos a tradição do carro-pipa", enfatizou o dirigente. 


Você pode gostar