Por bianca.lobianco
Rio - O presidente da Liga das escolas de Samba, Jorge Castanheira, disse que vai mudar o esquema de divulgação do mapa de notas para evitar vazamentos. Um suposto mapa com notas de mestre-sala e porta-bandeiras foi divulgado nas redes sociais. Castanheira disse que já foi feita a comparação das letras dos quatro jurados. Nenhuma bate com a que foi divulgada.
"Não acredito que seja verdadeiro. Acho que é alguma brincadeira de mau gosto", afirmou. Segundo ele, um fac-símile do mapa está disponível na página da Liesa, o que facilita ações como essa. "Vamos rever essa divulgação".
Publicidade
Ele afirmou ainda que se mapa com a mesma notas for aberto na apuração, elas não serão levadas em consideração.