Confira as rainhas de bateria que vão brilhar na Marquês de Sapucaí

O Grupo Especial está repleto de beldades à frente dos ritmistas das escolas de samba

Por O Dia

Rio - O desfile das escolas de samba é também um verdadeiro desfile de beldades. As rainhas de bateria não pontuam para a escola, mas a entrada delas na Avenida é uma das mais aguardadas pelo público. As rainhas de bateria vêm à frente dos ritmistas e apresentam o com todo seu charme o coração da escola.

No primeiro dia de desfiles do Grupo Especial do Carnaval 2017, a Marquês de Sapucaí receberá nomes como Sabrina Sato, Viviane Araújo, Cris Vianna, entre outras. Já no segundo dia, Juliana Alves, Evelyn Bastos e companhia são as beldades que vão brilharna Avenida. Confira abaixo um pouco mais sobre elas:

PARAÍSO DO TUIUTI - CAROLINE MARINS

Caroline Marins tem 20 anos e é filha do presidente de honra da agremiação, Renato Thor. A jovem trabalha com projetos sociais da escola e sempre marcou presença nos Carnavais da Paraíso do Tuiuti. Caroline já desfilou como passista, musa, destaque principal do carro abre alas e na ala das crianças.

Caroline MarinsAg. News

GRANDE RIO - PALOMA BERNARDI

A atriz Paloma Bernardi, de 31 anos, se tornou rainha de bateria da Acadêmicos de Grande Rio em 2016, após dois anos consecutivos desfilando como musa da escola.

"Agora, minha participação vai ser mais ativa. Em relação à presença nos ensaios não vai mudar muita coisa, já sou dedicada. Em todo projeto que entro, entro de cabeça. Mas minha entrega será ainda maior. É como se eu estivesse me preparando pra um trabalho, então meu projeto Carnaval já começou. Sempre vesti a camisa da escola, mas agora faço parte do coração da Grande Rio, que é a bateria", disse a atriz na época de sua nomeação como rainha.

Atualmente, Paloma Bernardi está no ar na novela "A Terra Prometida", exibida pela Rede Record.

Paloma BernardiAg. News

IMPERATRIZ - CRIS VIANNA

Cris Vianna, de 39 anos, está fazendo seu último desfile à frente da bateria da Imperatriz Leopoldinense este ano. A atriz está no cargo há quatro anos. Ela iniciou seu reinado em 2013, substituindo ninguém menos que Luiza Brunet. De acordo com a atriz, ela se despede do posto em 2017 para se dedicar a um projeto pessoal que vai exigir sua total dedicação.

Cris Vianna fará seu último desfile como rainha de bateria da Imperatriz este anoAg. News

VILA ISABEL - SABRINA SATO

Uma das rainhas de bateria mais queridas do público, Sabrina Sato, de 36 anos, está à frente dos ritmistas da Unidos de Vila Isabel desde 2011, quando substituiu Gracyanne Barbosa, mulher do pagodeiro Belo. A apresentadora do "Programa da Sabrina" é super atuante e sempre que possível está presente nos ensaios da escola, seja na quadra ou na rua. Suas fantasias são famosas pela ousadia e por mostrarem o corpão sarado da japa mais querida do Brasil.

Sabrina SatoAg. News

SALGUEIRO - VIVIANE ARAÚJO

Viviane Araújo, de 41 anos, é unanimidade quando se fala em rainha de bateria. Não há quem não reverencie a musa, que desfila desde 1995 e já passou por escolas como Unidos da Tijuca, Mangueira, Caprichosos de Pilares, União de Jacarepaguá, Inocentes de Belford Roxo e Império Serrano. Mas foi no Salgueiro que ela se encontrou e se tornou uma das maiores rainhas de bateria do Brasil. Vivi está à frente dos ritmistas da  agremiação desde 2008 e em 2009 já comemorou junto com a escola o título de campeã do grupo especial. 

Viviane AraújoAg. News

BEIJA-FLOR - RAÍSSA OLIVEIRA

Apesar da pouca idade — ela tem apenas 26 anos —, Raíssa Oliveira já uma das rainhas de bateria mais experientes do grupo especial. Em 2017, Raíssa comemorou seus 15 anos à frente da bateria da escola de samba. Aos 7 anos, ela já estreou na Sapucaí como passista. Em 2003, aos 12 anos, ela se tornou rainha de bateria e não deixou mais o posto. 

Raíssa OliveiraAg. News

UNIÃO DA ILHA - TÂNIA OLIVEIRA

Tânia Oliveira, de 38 anos, foi coroada rainha de bateria da União da Ilha em 2017. Este é o primeiro ano da ex-panicat à frente dos ritmistas da escola. Em São Paulo, Tânia já desfilou pela X9 Paulistana e pela Tom Maior. Atualmente, ela é madrinha da Dragões da Real.

Tânia OliveiraDivulgação

SÃO CLEMENTE - RAPHAELA GOMES

Raphaela Gomes é mais uma novinha que já pode ser considerada veterana na Sapucaí. A jovem de 18 anos está à frente dos ritmistas da Academicos de São Clemente desde os 15. E, aos quatro anos, ela já desfilava como musa mirim.

Raphaela GomesAg. News

MOCIDADE INDEPENDENTE DE PADRE MIGUEL - CAMILA SILVA

Camila Silva, de 30 anos, foi coroada rainha de bateria da Mocidade Independente de Padre Miguel aos 45 minutos do segundo tempo. Até pouco tempo atrás, a rainha da agremiação seria a angolana Carmen Mouro, que precisou voltar para Portugal por problemas de saúde. Camila, que até então era musa da escola, foi promovida ao posto de rainha de bateria, cargo que já havia ocupado em 2013.

Camila SilvaAg. News

UNIDOS DA TIJUCA - JULIANA ALVES

A atriz Juliana Alves, de 34 anos, é rainha de bateria da Unidos da Tijuca desde 2013. Ela entrou no lugar de Gracyanne Barbosa, que havia sido demitida em junho do ano anterior pelo presidente Fernando Horta. Antes da Unidos da Tijuca, Juliana Alves foi musa do Salgueiro e rainha da Império da Tijuca.

Juliana AlvesAg. News

PORTELA - BIANCA MONTEIRO

Bianca Monteiro desfila pela Portela desde os 13 anos de idade e, agora, aos 28, o sonho de se tornar rainha de bateria se tornou realidade. "Cria" da comunidade, Bianca é muito querida pelos moradores de Madureira, que comemoraram o fato do posto de rainha ter voltado para uma representante do local.

Bianca MonteiroSandro Vox / Agência O Dia

MANGUEIRA - EVELYN BASTOS

Nascida e criada no Morro da Mangueira, Evelyn Bastos, de 23 anos, tem o samba na família. A mãe de Evelyn, Valéria Bastos, também foi rainha de bateria da escola, cargo que ocupou por três vezes. Aos 11 anos, Evelyn desfilou pela primeira vez ao lado de passistas adultas e se tornou a mais jovem integrante da ala na história da Mangueira. Com 14, passou a fazer parte do grupo de shows da agremiação e, aos 16, virou uma das musas da comunidade. Em 2014, aos 20 anos, Evelyn foi coroada rainha de bateria da Mangueira.

Evelyn BastosRodrigo Mesquita / Divulgação