Mulheres feridas por carro alegórico do Tuiuti são operadas e seguem internadas

Duas delas estão internadas no Hospital Souza Aguiar, no Centro, e outra no Miguel Couto, na Gávea. No total, 20 pessoas ficaram feridas

Por O Dia

Rio - Três mulheres atingidas pelo carro alegórico da Paraíso do Tuiuti, durante o primeiro dia de desfile do Grupo Especial, seguem internadas na manhã desta segunda-feira. Uma delas está em estado grave e respira por aparelhos

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Maria de Lurdes Maura Ferreira, 58 anos, e Elisabeth Ferreira Jofre, 55 anos, estão no Hospital Souza Aguiar, no Centro, e Lucia Regina de Mello Freitas, 56 anos, no Miguel Couto, na Gávea. Maria de Lurdes está em estado grave e respira por aparelhos. Elas passaram por cirurgia, segundo a SMS.

Perícia continua hoje

O delegado William Lourenço Bezerra disse que a perícia para apurar os responsáveis pelo acidente com um carro alegórico da Tuiuti, no Grupo Especial do Rio, continua nesta segunda-feira. Segundo ele, ainda é prematuro falar sobre quem são os responsáveis. Oito pessoas foram feridas.

"De manhã vamos complementar o trabalho, ouvir as pessoas e identificar o motorista. Ele não opera o carro sozinho, há pessoas que o guiam de um lado para o outro. Então vamos ter cautela", afirmou a jornalistas.

Carro alegórico passou por perícia na manhã desta terça Estefan Radovicz / Agência O Dia

Segundo ele, a perícia vai entrar no carro alegórico, olhar a parte debaixo dele". O veículo segue apreendido.

O sexto carro alegórico da Paraíso do Tuitu bateu, na entrada do setor 1, e deixou 20 feridos, três em estado grave, na noite deste domingo, no primeiro dia de desfiles do Grupo Especial na Marquês de Sapucaí. A alegoria derrapou e bateu no muro do trecho da Avenida e imprensou as vítimas. Entre as vítimas, estão o repórter fotográfico de O DIA, Severino Silva e Ana Claudia Fernandes, parceira da Agência O DIA. Silva foi atendido e liberado ainda na Sapucaí e Ana Claudia, conhecida como Cacau Fernandes, teve alta do Souza Aguiar nesta segunda-feira.

Uma das vítimas, a fotógrafa Lúcia Mello, ficou com a perna presa na grade que separa o público da Sapucaí e teve uma fratura exposta. Doze dos feridos foram atendidos no posto médico do local, cinco foram levadas para o Hospital Municipal Miguel Couto e três seguiram para o Hospital Municipal Souza Aguiar, entre eles Lúcia.

A base do carro alegórico quebrou em três lugares diferentes, duas na parte da frente e o veículo desacoplou. A Polícia Civil fez uma perícia na alegoria no setor da dispersão e fará novo exame nesta segunda-feira. Em nota, a diretoria da agremiação lamentou o ocorrido.

Acidente com carro deixou feridos na TuiutiWilson Aquino / Agência O Dia

Com informações do Estadão Conteúdo