Escolas de samba da Série A podem ficar sem teto após venda de terreno

A notificação veio de uma empresa privada, que teria comprado a área

Por O Dia

Rio - Quatro escolas de samba da Série A do Carnaval podem ficar sem teto até o mês que vem. Inocentes de Belford Roxo, Alegria da Zona Sul, Acadêmicos do Sossego e Acadêmicos de Santa Cruz foram notificadas extrajudicialmente de que precisam desocupar seus barracões, na Zona Portuária da cidade, dentro dos próximos 30 dias. 

Inocentes de Belford Roxo é uma das quatro escolas que podem ficar sem tetoOnofre Veras / Agência O Dia

As primeiras informações dão conta de que o terreno é uma propriedade da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp), da Prefeitura Municipal, que é quem gere as obras do Porto Maravilha. Ainda não se sabe se a remoção pode vir a afetar as outras escolas de samba que têm seus barracões no terreno.

Segundo o presidente da Inocentes de Belford Roxo, Reginaldo Gomes, a escola está no terreno desde 1998. Antes do Carnaval, contou, um advogado já havia aparecido no local para informar que a área foi comprada por uma empresa, mas não mostrou nenhuma documentação comprovante. "Por isso, já tínhamos um processo de manutenção de posse na Justiça. Também queremos transparência e informações sobre esta venda, a venda de uma área que era pública", disse.

Ainda de acordo com Reginaldo, a Acadêmicos de Santa Cruz e a Inocentes de Belford Roxo, juntas, têm mais de dez carros alegóricos no local que não têm condições de mover. "As escolas prestam um grande serviço cultural no Carnaval. Esperamos que a Prefeitura arrume uma solução para nós", declarou. Procurada, a assessoria da Cdurp não foi encontrada para comentar o assunto.

A Lierj (Liga das Escolas de Samba do Rio de Janeiro) disse, em nota, que está se mobilizando para auxiliar as escolas. "A diretoria da Liga já tem reuniões agendadas com autoridades dos órgãos responsáveis para tratar de soluções para o problema", acrescentam. 

Reportagem da estagiária Nadedja Calado?