Por tabata.uchoa

Rio - Bafo de Fanta Laranja, Salsicha, Palito de Fósforo e Ferrugem. Estes são alguns dos apelidos atribuídos a João Côrtes, durante a infância, devido à cor de seus cabelos. O paulista, de 18 anos, alçado à fama após conquistar Grazi Massafera no comercial de uma operadora de celular, no qual ficava “ligando, ligando e ligando” até conseguir falar com a mulher de Cauã Reymond, agora comemora o sucesso com as mulheres.

Após comercial%2C João Côrtes é chamado de 'namorado da Grazi' na ruaDivulgação

“Minha situação com as garotas nunca foi maravilhosa. Com o comercial, rolou um crescimento exponencial”, vibra o rapaz. Ele jura, no entanto, que não costuma se exibir por aí. “Não digo para as garotas: ‘Oi, eu sou o cara que pegou a Grazi na TV’. Mas o sucesso me deu uma certa confiança, confesso. Nas ruas, me chamam de namorado da Grazi Massafera. É engraçado”, conta João, que está no terceiro ano do ensino médio.

Ele reconhece não fazer o tipo galã, com rosto liso e corpo fabricado na academia, comum nas propagandas. “Sempre soube que não tinha aquele estereótipo de galã. Nunca fui e nem acho que serei galã um dia”, constata. As semelhanças com o humorista Fábio Porchat, com quem chegou a gravar o comercial, eram apontadas antes de João começar a gravar. “É que, assim como o Porchat, uso muito as mãos para falar. Somos parecidos na forma de falar e de fazer humor”, avalia.

Contratado da operadora até o final do ano, João diz que não está rico, mas que recebeu uma boa quantia. “Para um garoto da minha idade, que está começando, estou ganhando uma grana legal”, assume ele, que pretende usar suas economias para estudar em Londres, ano que vem. Além do comercial, João está em cartaz com duas peças em São Paulo, participou da série ‘Três Teresas’, do GNT, e está no elenco do filme ‘Lascados’, do diretor Vitor Mafra, que estreia em fevereiro. “Quero explorar ao máximo essa fase”, conclui.

Você pode gostar