Por raphael.perucci

Rio - As comemorações de fim de ano já começaram e sentar à mesa sem ganhar calorias extras é um desafio. Evitar os excessos e manter a alimentação do dia a dia é fundamental para não ganhar gordurinhas indesejáveis nessa época do ano. Ana De Biase, a ex-Salva-Vidas do programa ‘Caldeirão do Huck’, da Globo, vai seguir firme com sua dieta — que a fez perder três quilos recentemente — durante as ceias.

“Fiquei mais regrada em 2013. Conheci o coach Bueno, que passa minha dieta e meu treino. Meu objetivo era secar. Cortei carboidrato à noite. A barriga sempre me incomodava. Tinha aquela gordurinha localizada. Agora estou com a barriga que sempre quis. Ela está sequinha! Vou passar o Natal com a minha família no Espírito Santo, mas não vou enfiar o pé na jaca com tanta força, porque o verão está aí”, garante a capixaba, que tem 54 quilos super bem distribuídos em 1,64 m de altura.

Modelo Ana De Biase mostra corpo perfeitoDivulgação

A rotina de malhação da loura também vai ser mantida durante as festividades. Ana De Biase, que pratica 45 minutos exercícios aeróbicos diariamente, pretende manter seu treino e sua dieta: “Sempre evito açúcar e sal. A pessoa tem que ter foco, resistir às tentações e comer sua comidinha saudável. Eu levo marmita até para a rua.”

Para quem vai cear fora de casa, Flávio Alberto Santos, nutricionista do Barra Day, sugere que a pessoa faça um lanchinho leve e saudável antes. “Com o lanche, a pessoa não corre o risco de exagerar no jantar. Na ceia, é sempre bom escolher alimentos mais saudáveis, como arroz integral com amêndoas, grelhados e assados. É preferível comer carnes magras, como chester e peru, no lugar da carne de porco. Sucos são melhores que refrigerantes. Tem que seguir a rotina do dia a dia, que é fazer quatro ou cinco refeições por dia, e fazer um prato com quatro divisões: carboidrato, folhas, legumes e proteína”, afirma o nutricionista.

Tornar os quitutes natalinos mais saudáveis também é uma boa opção. “Dá para fazer rabanada ao forno com açúcar mascavo. É bom optar pelas frutas também. Pode-se comer mamão com castanha e aveia, por exemplo”, emenda Flávio.

O que se deve evitar a qualquer custo é a combinação de alguns alimentos e a ingestão de certas bebidas. “Evite misturar várias fontes de carboidratos, como arroz, batata, farofa e massas. Também não se deve acrescentar molhos gordurosos, à base de maionese e queijos amarelos, nas preparações. Bebidas que contém glúten, como cerveja, e drinques preparados com leite condensado e creme de leite também não devem ser consumidos”, diz Alessandra Scutellaro, nutricionista da Clínica Esportiva Funcional.

Alguns alimentos são culpados por aquele inchaço na barriga que surge após as ceias. Entre os itens, estão os que possuem glúten, como rabanada e pães. “Para evitar o inchaço, é bom tomar chá de alecrim, hortelã ou gengibre 30 minutos antes da ceia. Eles são digestivos”, explica Marcela Fróes, nutricionista e proprietária da Asa Light.

DICAS PARA UMA CEIA MAIS SAUDÁVEL

FAÇA um lanche antes de sair de casa para evitar a fome excessiva durante a ceia.
Publicidade
MONTE um prato bem colorido, acrescente as opções de saladas, grãos e castanhas junto ao prato principal.
ESCOLHA apenas um tipo de proteína para o seu prato. O ideal é optar pelas carnes magras, como chester e peru.
Publicidade
EVITE misturar várias fontes de carboidratos.
MODERE o consumo de bebidas que contém glúten, como cerveja.
Publicidade
QUANTO aos doces, priorize as versões light, como a rabanada assada, salada de frutas ou bolos sem recheios.
HIDRATE-SE durante a ceia com bastante água e não esqueça que, no dia seguinte, é bom consumir bastante fibras para facilitar a digestão.
Publicidade
CONSUMA chás claros, sucos verdes e salada verde no pós-festa, que eliminam toxinas.

Você pode gostar