Por karilayn.areias

Rio - Em sua participação no álbum "Sambabook - Zeca Pagodinho", o cantor Martinho da Vila alterou a letra da música "Faixa Amarela". Na canção original composta por Zeca e parceiros lançada em 1997, há um trecho que faz uma espécie de ameaça físicas à uma personagem feminina. Ao cantar a música na gravação do álbum que celebra o repertório do cantor, Martinho fez uma versão politicamente correta.

"Mas se ela vacilar, vou dar um castigo nela/ Vou lhe dar uma banda de frente/ Quebrar cinco dentes e duas costelas", diz o trecho original. Já Martinho, na versão alterada, canta: "Mas se ela vacilar/vou dar um castigo nela/SEM lhe dar um banda de frente/quebrar cinco dentes/e quatro costelas", em uma clara atitude de repúdio a violência contra à mulher. 

Martinho da VilaReprodução Internet

O álbum, lançado este mês, é uma celebração ao repertório de Zeca Pagodinho. A gravação foi feita em 30 de abril na Fundição Progresso, no Rio de Janeiro. O projeto conta com a participação de artistas consagrados como Djavan, Maria Rita, Alcione, Jorge Aragão, entre outros.


Você pode gostar