Após polêmica, Paulo Gustavo fala sobre Parada Gay no Instagram

Em entrevista ao jornal O DIA, humorista revelou ser contra o evento e foi alfinetado por sites e internautas

Por O Dia

Rio - Em recente entrevista ao jornal O DIA, Paulo Gustavo revelou ser contra a Parada Gay. Sem papas na língua, ele falou o que pensa, mas não imaginava que iria gerar tanta polêmica. Após diversos sites e internautas veicularem o que o ator disse e, na maioria das vezes, repudiando o posicionamento do ator, ele decidiu usar a conta no Instagram para explicar seu ponto de vista sobre o assunto. 

'Acho que ficar levantando bandeira para esse assunto é que gera o preconceito', revelou Paulo Gustavo na entrevistaFernando Souza / Agência O Dia


"Atenção: Falei sobre a Parada Gay para o jornal O DIA e talvez tenha sido mal interpretado por algumas pessoas! Ok, vamos lá! Disse que sou contra a parada gay e SOU! Porque acho que uma coisa que era para ser um movimento político, não é! Vira uma RAVE no meio da rua, com assalto, brigas e com um monte de gente se beijando e eu não curto! Não tenho vontade de levar meus pais! Tenho orgulho do movimento gay e de fazer parte disso! Inclusive falo sobre isso e faço política através da minha arte! Ponto final! Quem não entender sinto muito!", escreveu o ator na rede social.

O post do humorista se refere a entrevista veiculada pelo O DIA no último domingo quando ele afirmou. "Eu não teria problema em falar se sou gay ou se sou hétero. Mas acho que ficar levantando bandeira para esse assunto é que gera o preconceito. Eu sou contra a Parada Gay, acho que não tem que ter isso. Não existe Parada Hétero. Acho que, com isso, a gente fica só valorizando os idiotas. Os que são preconceituosos devem ser ignorados simplesmente", disse o ator na ocasião.

Últimas de Celebridades