Carolina Ferraz relata aborto e relembra depressão no início da gestação

Vinte anos separam os nascimentos de suas duas filhas : 'Desta última vez, me senti mais madura para a maternidade'

Por O Dia

Carolina Ferraz com a filha BebelDivulgação/Marie Claire

Rio - Carolina Ferraz engravidou aos 45 anos e deu à luz Anna Izabel, sua segunda filha, aos 46. A gravidez trouxe muitas alegrias, disposição e beleza. "Minha pele e meus cabelos estão incríveis", conta a atriz, em entrevista à revista "Marie Claire". 

Mas nem tudo foram flores. Carolina também enfrentou problemas, como um hipotireoidismo que a fez engordar 18 quilos e uma depressão nos três primeiros meses de gestação.

"Depois passou. Vinte anos separam os nascimentos das minhas filhas. Desta última vez, me senti mais madura para a maternidade, mas a grande diferença não foi minha idade e, sim, os processos", explicou.

Da primogênita, Valentina, ela engravidou rápido e teve parto normal. Já para conceber a Bebel, teve que recorrer a uma fertilização in vitro e a menina nasceu de cesárea.

Carolina relata que antes de partir para o tratamento, ela engravidou naturalmente, mas teve um aborto nas primeiras semanas. "Não fiquei sofrendo, nem me lamentando. Disse ao meu marido: ‘Bola pra frente!’". Quatro meses depois, no segundo procedimento de transferência de embrião, deu certo. "A Bebel nos trouxe muita alegria!”, finalizou.

Fonte: iG

Últimas de Celebridades