Sertanejo Rodrigo Marim faz sucesso nas redes sociais com fotos sem camisa

Cantor se apresenta nesta quinta-feira, na Boate All In, no Rio, e amanhã, na Calçada da Fama, em Duque de Caxias

Por O Dia

Rio - ‘Use aquele perfume, passe aquele batom e venha no meu show para eu sentir seu cheiro bom”. É assim que o cantor sertanejo Rodrigo Marim, 27 anos, convida suas fãs nas redes sociais para suas apresentações, como a de hoje, na Boate All In, no Rio, e amanhã, na Calçada da Fama, em Duque de Caxias.

Rodrigo provoca as fãs com fotos sensuais%3A 'Gosto de alimentar a imaginação das fãs em situações que mexam com as ideias delas'Divulgação

Ainda não tinha ouvido falar nele? Não se preocupe. Provavelmente sua filha já ouviu. O artista de penteado europeu — como diz em uma de suas músicas —, estilo Don Juan, olhos azuis e barba por fazer usa e abusa de fotos e letras sensuais e só vê o número de fãs aumentar. “Existe preconceito por ser bonito. Talvez se eu fosse feio fizesse até mais sucesso. Tem gente que vê a minha imagem e não acha que canto. Aí, se surpreende quando me vê no show. A beleza ajuda, sim, mas quero conquistar com meu trabalho e o apoio das fãs”, frisa.

Nas redes sociais, Rodrigo, que é nascido em Vinhedo, interior de São Paulo, tem várias fotos sem camisa, cortando grama e lenha, vídeo laçando cavalo, no trator, treinando muay thai, de cueca e malhando, entre outras. “Li em uma reportagem que as mulheres sentem mais prazer pela imaginação do que pelo contato. Por isso, gosto de alimentar a imaginação das minhas fãs em situações que mexam com as ideias delas. Também adoro caprichar na legenda. É tão importante quanto a foto”, decreta.

De redes sociais ele entende. Há pouco menos de dois anos, Rodrigo era mais um cantor em busca do sonho de sucesso. Mas foi um mal-entendido que o fez chamar atenção do público feminino, a princípio negativamente.

“Circulou um boato de que um sequestrador atacava mulheres. Entraram no meu Instagram e pegaram uma selfie minha e disseram que eu era o bandido. Canto há dez anos. Quando soube do boato, quis preservar a minha imagem. Fiz um post esclarecendo que a imagem era minha, mas que não tinha nada a ver com isso, que meu trabalho é ser cantor sertanejo”, conta.

Em uma hora, o vídeo teve 3 milhões de acessos, e as 80 mil curtidas no Facebook viraram, hoje, 2.338.145.

A oportunidade sorriu para Rodrigo, que devolveu com uma piscada e aquele sorriso maroto. “Quando não se pode com uma coisa maior que você, una-se a ela. Me tornei o sequestrador, mas de corações das minhas fãs”, brinca.

Parece que deu certo. Rodrigo emplaca hits como a música ‘O Sequestrador’ — que ficou pronta em 15 dias, aproveitando para pegar carona na confusão com a sua foto — e a animada ‘Estilo Bang-Bang’, sem contar a balada romântica ‘Foi Ficando Sério’.

Rodrigo tem 2.338.145 curtidas no Facebook%2C 635 mil seguidores no Instagram e 44 mil seguidores no TwitterReprodução Internet

A falta de pudor de algumas fãs é encarada com naturalidade. “Todo dia recebo nudes. As fãs que sabem que sou tranquilo não mandam, mas sempre recebo uma. Nunca mandei, só observo. Esse tipo de coisa tem que rolar ao vivo”, diz, aos risos. O estado civil do rapaz? Ele está solteiro há mais de um ano e fica com fãs. “Acho que o carinho delas por mim é redobrado”, derrete-se.


Reportagem Gabriel Sobreira

Últimas de Celebridades