Por bianca.lobianco
Publicado 01/02/2017 20:44 | Atualizado 02/02/2017 18:14

Rio - “Sem hipocrisia, têm uns dias que me acho bonita sim e outros que não. Linda e sensual? Você não me viu acordando. Tem gente que acorda bonita, que tem o rosto simétrico. Mas no meu caso, a gente levanta, toma um banho, passa um rímel e pronto. Ser mulher é fogo, pode acreditar”, afirma em tom de brincadeira Maria Joana, a Carol da novela ‘Sol Nascente’. “A parte do meu corpo que mais gosto é o sorriso”, completa.

Maria Joana é a vilã Carol em 'Sol Nascente'Divulgação

MUDANÇA NA PERSONAGEM
A atriz passou meses convencendo o público das maldades da interesseira e manipuladora Carol, a antagonista da novela das 18h, da Globo. Mas de um tempo para cá, desde que descobriu estar grávida, a personagem iniciou sua redenção. “Algumas pessoas dizem: ‘Será que ela não esta armando de novo?’. Aí eu falo que me esbaldei de tanto chorar e não convenci (risos). A gente vê tanta sacanagem, tanta coisa errada na política, é um passar a perna no outro, que quando acontece da pessoa ser pega ou se arrepender, o público já está calejado e desconfiado. É um reflexo do mundo que a gente esta vivendo”, pontua a carioca.

BEBÊ SÓ NO FUTURO
Quando o assunto é gravidez, Maria, que namora com Bernardo Muniz, conta não ter pressa para encomendar um herdeiro (“Tenho sim, vontade de ser mãe. Hoje em dia não, mas em alguns anos”). Seu namorado é ator? “Deus me livre! Empresário. Falo brincando, mas é legal eu chegar em casa e ele me contar outra coisa. Eu gosto muito porque ele me ensina bastante coisa, mostra algo diferente da vida. Ele é bem direto, prático. Sou lúdica. É aquele velho clichê que se completa”, brinca.

AULAS DE MOTO
Para viver Carol, Maria Joana precisou fazer aulas de moto, já que a personagem faz parte do grupo de motocicistas da trama. “Foi difícil. Tenho pavor de moto. Até posso pegar uma e pilotar por aí, mas isso não vai acontecer. Ainda rola um medinho”, confessa. O esforço valeu a pena. A novela nem terminou — acaba em março — e ela já tem dois convites, um para TV e outro fora dela. “Mas quero primeiro me concentrar aqui em ‘Sol Nascente’”, frisa.

Maria Joana é a vilã Carol em 'Sol Nascente'Divulgação

BOA FORMA
Para manter a forma, Maria Joana malha de segunda a sábado e, se ainda houver espaço na agenda, ela faz aulas de muay thai duas vezes na semana. “Tem três semanas que não vou”.

14 TATUAGENS NO CORPO
Dona de 14 tatuagens (“todas pequenas”), ela conta que ficou encantada quando soube que sua personagem teria uma naja gigantesca tatuada nas costas. A atriz conta que todas as tatuagens dela têm um significado. “A gente não é cheio de marca, tombo? Tenho uma cicatriz no joelho que sempre lembro que caí de bicicleta, aos sete anos, nos Estados Unidos, é uma marca que conta história. A tatuagem é algo que eu escolho para marcar a minha vida”, justica. Até um grupo de fãs reproduziu uma tatuagem dela, de coração, que simboliza tolerância e paciência. “Para eles, o significado dessa tatuagem foi amizade, porque eles se conheceram por minha causa”, gaba-se.

TUDO NA HORA CERTA
Aos 30 anos, Maria Joana não estranha o fato da redenção da personagem acontecer a mais de um mês para o fim da novela. “Uma das características do Walther Negrão (autor da novela) é que ele não espera o último capítulo para resolver as coisas. Eu sou espectadora também. E é legal o publico descobrir junto. Seria muito esperar o último capítulo”, observa.

A TRAMA
Na história, Carolina está grávida de uma menina. Mas o pai é Cesar e não Mario, como a morena afirma. Enquanto era da pá virada, a advogada aceitou dinheiro de Cesar para que confirmasse que o bebê que esperava era mesmo de Mario. “Mas uma hora ela vai ter que contar a verdade. E, se isso acontecer, claro que ela merece ser perdoada”, torce a atriz. Mas o maior problema na vida de Carolina é mesmo Cesar. Ela até gravará Cesar confessando todos os crimes dele com uma câmera escondida. “Isso pode colocar a vida dela em risco. Mas a Carol é esperta. Ela chegou em um estágio que a única coisa que importa para ela é a filha. Ela sabe que se o Cesar não for preso ou sumir, a filha sempre estará correndo risco”, frisa.

Maria Joana é a vilã Carol em 'Sol Nascente'Divulgação

MATARIA O CESAR
A Carol seria capaz de matar o Cesar para defender a filha? “Se o Cesar colocar em risco a filha dela, talvez ela seja capaz de matá-lo. É que nem um bicho para proteger a cria. Lei da sobrevivência ou autodefesa. Fica a dica para os autores”, sugere, aos risos.

Você pode gostar