Elke Maravilha: 'Não gosto de ficar nua nem para mim. Fico constrangida'

Em entrevista a Marília Gabriela, a atriz conta que está em um período de abstinência sexual

Por O Dia

Rio - Em entrevista a Marília Gabriela, que vai ao ar no "De Frente Com Gabi", no SBT, no domingo, Elke Maravilha fez diversas revelações. "Não tenho mais tesão, estou livre dos hormônios. É muito bom transar, mas também tem sido bom não. Cada coisa tem sua época. Não gosto de ficar nua nem para mim. Fico constrangida comigo mesma", disse. 

Elke Maravilha%3A 'Não gosto de ficar nua nem para mim. Fico constrangida comigo'Divulgação


A atriz também recordou suas relações anteriores. "Tive oito casamentos e o mais curto durou 2 meses, porque ele era psicopata. Eu acordava de madrugada e ele estava no sofá, vestido de Elke, com uma faca na mão", contou.

Sobre seus vícios, a artista comentou que "experimentou crack três vezes". "Mas, na minha geração, usávamos drogas para autoconhecimento e hoje é para fuga. Minha única droga é a cachaça", admitiu ela, que começou a carreira como professora de inglês antes de ser chamada para integrar o júri do Chacrinha. "Já estou fazendo hora extra. Daqui a pouco vou morrer", finalizou.

Últimas de Televisão