'Em Família': Felipe assume alcoolismo

Ator disse que personagem 'é muito carente desde a infância e bebe para chamar a atenção da família'

Por O Dia

Rio - Demorou, mas, em breve, Felipe (Thiago Mendonça), o médico alcoólatra da novela ‘Em Família’, de Manoel Carlos, tomará coragem e dará seu depoimento na reunião dos Alcoólicos Anônimos, que tem frequentado por insistência da sobrinha, Luiza (Bruna Marquezine), se reconhecendo doente, assumindo que é dependente e que está disposto a se tratar.

Felipe assume alcoolismoDivulgação

Para o ator, a bebida faz parte da vida de Felipe desde os 11, 12 anos, e ele tem uma explicação para esse vício: “Felipe é muito carente desde a infância e bebe para chamar a atenção da família. Ele só existe porque bebe. Quando criança, a mãe, Chica (Natália do Vale), só tinha olhos para a filha, Helena (Julia Lemmertz). Agora, só quer saber de sexo com o namorado.”

Thiago, 33 anos, acredita que a ameaça de perder o registro de médico, uma conquista da qual Felipe se orgulha, e o afeto das pessoas que ama podem ajudá-lo a mudar: “Ele decidiu ser médico para agradar à mãe e, agora, a bebida está comprometendo sua vida profissional e o afastando das pessoas que ama. A Luiza já deu o toque, a gente só ama quem a gente admira. Ele pode até se dar a desculpa de que bebe porque ama a Silvia (Bianca Rinaldi) e ela não dá bola. Mas logo saberá que esse não é o motivo. Torço para que ele não tenha que passar por uma grande perda para cair na real, que é o que normalmente acontece nesses casos.”

Thiago já enfrentou esse tipo de problema, quando tinha 25 anos: “Convivi com pessoas com nível alto de dependência. Inclusive, já dividi apartamento com um amigo alcoólatra e, muitas vezes, eu saía para trabalhar e ele estava caído no chão. Tudo que a Helena passa com o Felipe eu passei com ele. Foi bastante crítico.” Apesar de já ter exagerado em algumas situações na vida real, o ator nunca chegou a extremos.

Últimas de Televisão