George R. R. Martin comenta cena de sexo controversa de 'Game of Thrones'

Spoiler: No episódio de domingo, Jaime forçou Cersei a fazer sexo durante um funeral. Cena recebeu críticas na internet por tratar estupro como relação consensual

Por O Dia

Rio - 'Game of Thrones' é conhecida por mostrar nudez, sexo e violência sem qualquer tipo de pudor. Neste domingo, no entanto, a atração do canal HBO dividiu a opinião dos fãs por conta de uma cena um tanto polêmica [Não leia caso não queira saber spoilers].

Espectadores estão acusando o seriado de retratar estupro incestuoso como sexo consensual. George R. R. Martin, autor de "As Crônicas de Gelo e Fogo", usou o seu blog pessoal para comentar a controvérsia. "Nunca discutimos esta cena pelo que eu me lembre".

Jaime (Nikolaj Coster-Waldau) e Cersei (Lena Headey) protagonizam cena polêmicaDivulgação

No capítulo desta semana, inconsolável pela morte do filho Joffrey (Jack Gleeson), Cersei (Lena Headey) finalmente beija o irmão Jaime (Nikolaj Coster-Waldau) depois de tê-lo rejeitado por semanas.

O cavaleiro acaba a forçando a ter relações sexuais ao lado do cadáver do Rei de Porto Real. Enquanto vê suas roupas serem rasgadas pelo amante, Cersei tenta impedi-lo, falando "não", "pare" e "isto não está certo", mas Jaime a responde com um raivoso "eu não ligo". No fim, a Rainha parece ceder aos esforços do personagem.

Um dos principais focos das críticas foi a declaração do roteirista Alex Graves para a revista "Vulture": "Se torna consensual no final, porque tudo entre eles ultimamente se torna excitante, principalmente disputa por poder."

Martin explicou que, apesar da cena mórbida acontecer também em "Tormenta de Espadas", terceiro livro da coleção, o contexto é um pouco diferente. "Jaime não está presente na morte de Joffrey e Cersei está sofrendo por achar que perdeu tanto o filho como o pai dele/amante/irmão. E, então, Jaime está ali na frente dela. Fraco e mudado, mas Jaime, sem dúvidas. Apesar da hora e do lugar serem muito inapropriados e Cersei estar bastante surpreendida, ela está tão faminta dele quanto ele está dela", escreveu.

Cena perturbadora

Jaime e Cersei mantém relação incestuosa desde a primeira temporadaDivulgação

Segundo George, a impressão de que Jaime estuprou Cersei no seriado se deu porque alguns detalhes foram mudando ao longo do seriado. "A dinâmica é completamente diferente no programa. Jaime está de volta há semanas, talvez mais, e Cersei e ele se vêem em diversas ocasiões, na maior parte das vezes discutindo. O lugar é o mesmo, mas os personagens não estão no mesmo momento que no livro, por isso David [Bennioff] e Dan [B. Weiss] fizeram a cena diferente. Mas esta é a apenas a minha hipótese. Nós nunca discutimos esta cena pelo que eu me lembre".

"Se o programa tivesse mantido alguns diálogos de Cersei, ele teria deixado uma impressão um pouco diferente -- mas estes diálogos foram feitos de acordo com as circunstâncias do livro, entregues a uma mulher que está vendo seu grande amor pela primeira vez depois de muito tempo separado, durante o qual ela temia que ele estivesse morto", falou George. "A cena foi escrita para ser perturbadora, mas fico triste por incomodar as pessoas pelos motivos errados".

Nikolaj, intérprete de Jaime, falou, em entrevista ao site "The Daily Beast", que no dia da gravação da cena já achava que o público podia interpretá-la como um estupro. "A intenção não era só esta. É sobre duas pessoas que tiveram esta conexão por tanto anos, um pouco por ser física e um pouco por ter que ser um segredo, e isto é tudo o que sobrou. É ele tentando forçá-a a fazer dele inteiro novamente por causa de sua estúpida mão", disse.

Quando questionado se foi abuso sexual ou não, ele respondeu: "Sim e não. Há momento em que ela se entrega e momentos que ela o afasta. Mas não é bonito".

Últimas de Televisão