Por daniela.lima

Rio - O tema é explosivo. Filho caçula de um ditador que retorna com a família ao seu país 20 anos depois, em meio a uma turbulência política e social. Para culminar, a história é ambientada no Oriente Médio, região onde acontece alguns dos maiores conflitos do planeta. A julgar por esses ingredientes do roteiro, a série ‘Tyrant’ promete uma boa diversão. Estreia hoje, às 23h, no FX. 

Al-Fayeed%2C sua mulher%2C Molly%2C e os filhos Emma e Sammy%3A família viaja para o casamento de um sobrinhoDivulgação


Criada por Gideon Raff e Howard Gordon, produtores de ‘Homeland’, a série em dez episódios é estrelada por Adam Rayner (‘Hunted’), que interpreta Bassam Al-Fayeed, filho mais novo do ditador de um país do Oriente Médio. Após 20 anos morando nos Estados Unidos, onde adota outro nome, Barry, ele volta para casa para assistir ao casamento de um sobrinho, levando a mulher, Molly (Jennifer Finnigan), e os filhos adolescentes Emma (Anne Winters) e Sammy (Noah Silver).

No retorno, Barry se depara com a dura realidade do país, devastado pela guerra e pelo conflito social. Ao mesmo tempo, ele percebe que o pai está doente, cada vez pior, e que seu irmão, Jamal (Ashraf Barhom), não tem condições de assumir o comando da nação.

Enquanto Barry vive seu próprio drama, Emma compartilha o desencanto do pai perante os excessos de sua família, mas Sammy curte o status que ganhou nas terras estrangeiras.

Nos EUA, a primeira temporada teve boa repercussão de crítica e público. Tanto que o FX já encomendou a segunda com 13 episódios, para estrear em 2015.

Você pode gostar