'Cada cicatriz valeu a pena', diz Paloma Bernardi sobre 'Dança dos Famosos'

Atriz e Marcello Melo Jr. estão na grande final do concurso que chega ao fim no dia 30

Por O Dia

Rio - Eles deram um baile em dez participantes e chegaram à final da ‘Dança dos Famosos’, que irá ao ar dia 30, no ‘Domingão do Faustão’, com os ritmos tango e samba. Entre saltos, tombos, hematomas, lágrimas e suingue, salvaram-se Paloma Bernardi e Marcello Melo Jr.. “Cada cicatriz valeu a pena. Foi uma experiência enriquecedora. Me tornei uma mulher mais forte, confiante, mais segura para enfrentar os desafios da vida”, destaca a atriz, que, por ter ido tão bem na competição, já foi convidada até para se apresentar em eventos: “Estou pensando. Quem sabe não é um novo leque que se abre na minha carreira?” 

Paloma Bernardi concentrada com Patrick Carvalho Divulgação


Competir com o melhor amigo do namorado, Thiago Martins — que deve estar entre a cruz e a espada na torcida —, dá mais emoção. “O Thiago me disse que o Vidigal vai parar. Adoro o Marcello, ele é tão merecedor quanto eu, mas vou lutar pela minha grandeza. Dar o meu melhor”, frisa a atriz.

Os nervos, é claro, estão à flor da pele, e o difícil é controlar a ansiedade. “Tento trabalhar esse sentimento para não me atrapalhar. Continuo mantendo a garra e a vontade de vencer. Estou pronto”, pontua o ator, que admite ter enfrentado os ciúmes da namorada, Caroline Alves, por conta da sintonia com a parceira de dança, Raquel Guarini. “No início, talvez, mas foi mais uma questão de carinho, de cuidado. Nunca passou do ponto. E, no decorrer das apresentações, elas foram ficando mais próximas. Somos uma equipe e temos que jogar juntos”, deixa claro.

Já Paloma nega que tenha tido qualquer atrito com Anitta e que, inclusive, enxergava na cantora uma concorrente em potencial. “Nunca existiu rivalidade. Óbvio que, quanto mais a gente avança na disputa, mais a gente quer ficar. Ninguém entra numa competição pensando em perder. Agora, desejar o mal é mentira. Como a Anitta é cantora e os shows dela são sempre performáticos, eu realmente a encarava com uma forte concorrente. A Giovanna (Ewbank), que dizia que nunca tinha dançado, também foi se superando e surpreendendo, deu um medinho”, esclarece. “Estou em êxtase. Feliz por participar do processo inteiro e chegar à final, representando as mulheres. É a Copa da dança”, vibra a atriz.

Últimas de Televisão