‘Dupla Identidade’: Preso, Edu debocha de delegado

Serial Killer é reconhecido por garota de programa que tentou matar

Por O Dia

Rio - O clima entre Edu (Bruno Gagliasso) e Dias (Marcello Novaes) ficará pesado em ‘Dupla Identidade’, sexta-feira. Depois de ser reconhecido por uma garota de programa que tentou matar, Edu é preso e passa por um interrogatório. Dias recebe o suspeito e avisa: “O jogo acabou, Edu.”

Debochado, o serial killer diz: “Ainda nem começou...” O que o delegado não imagina é que Tati (Brenda Sabryna), sua filha, é o novo alvo do assassino. A jovem, que conheceu Edu em uma visita à superintendência de polícia, está cada vez mais apaixonada. Ao saber que é filha de Dias, Edu faz de tudo para conquistá-la. Sem saber do risco que corre, Tati se joga nos braços dele, que, sedutor, faz de tudo para agradar. 

Dias fica frente a frente com EduDivulgação


Últimas de Televisão