‘Game of Thrones’ estreia sua quinta temporada

Série é lançada simultaneamente em 170 países, a partir das 22h, com transmissão do Cinemax e do HBO

Por O Dia

Rio - Acabou a espera para os fãs de ‘Game of Thrones’. Com lançamento simultâneo em mais de 170 países, a quinta temporada da série que virou fenômeno da TV mundial estreia hoje, às 22h, transmitida pelo HBO e pelo Cinemax. A Net vai abrir o sinal do canal HBO para todos os seus assinantes.

Filmada na Croácia, na Espanha e na Irlanda, em 151 locações, a quinta temporada começa com um flashback, o primeiro da série. A cena mostra a rainha Cersei Lannister (Lena Headey) quando criança questionando uma bruxa sobre seu futuro. A ideia é deixar claro que ela não é apenas malvada, mas tem traumas do passado.

Lorde Varys (E) e o fugitivo Tyrion Lannister, deprimido e beberrãoDivulgação

A disputa pelo poder é intensa nesta fase. No Castelo Negro, Jon Snow (Kit Harington) tenta conciliar as exigências da Patrulha da Noite com as do recém-chegado Stannis Baratheon (Stephen Dillane), que se considera o legítimo rei de Westeros. Já Cersei luta para se manter no trono em Porto Real, após o surgimento de um grupo religioso liderado por High Sparrow (Jonathan Pryce).

Na nova temporada, Daenerys Targaryen (Emilia Clarke), a mãe dos dragões, torna-se uma das principais personagens. Após trancá-los em um prisão em Meereen, ela enfrenta os Filhos da Harpia.

Do outro lado do mar, o fugitivo Tyrion Lannister (Peter Dinklage) está deprimido e bebendo todas. Mas o anão encontra uma nova causa após uma conversa com Lorde Varys (Conleth Hill), que sugere que Tyrion vá atrás de Daenerys, postulante ao cobiçado Trono de Ferro.

Adaptada da obra literária de George R.R. Martin, a série se passa no fictício reino de Westeros. A história gira em torno de uma batalha entre os Sete Reinos, onde duas famílias dominantes lutam pelo controle do Trono de Ferro.

A estreia da quinta temporada em 170 países é uma medida do HBO para conter a pirataria. Mais de sete milhões de episódios da primeira até a quarta temporadas foram baixados ilegalmente entre fevereiro e abril deste ano por fãs da série.

Últimas de Televisão