'Babilônia': Saiba o que vai acontecer no dia do 'sim' de Estela e Teresa

Fofoca entre os convidados, críticas e humilhação de Inês marcam o casamento

Por O Dia

Rio - Depois de 35 anos de relacionamento, chega o grande dia de Teresa (Fernanda Montenegro) e Estela (Nathalia Timberg). Para coroar a união, a armação de Rafael (Chay Suede) e Estela dá certo, e Lauro (Dennis Carvalho) — filho que rejeitou Teresa desde que descobriu o amor da mãe por uma mulher — aparece de surpresa na cerimônia, que foi gravada na última semana com a maior parte do elenco e irá ao ar sexta-feira em ‘Babilônia’.

Mas como em todo bom casamento há um bafafá, neste não será diferente. Vinicius (Thiago Fragoso) convida Regina (Camila Pitanga), que acaba desistindo em cima da hora porque a filha, Júlia (Sabrina Nonata), cai doente. Inês (Adriana Esteves) não quer ir sozinha e tenta, em vão, levar Alice (Sophie Charlotte). “A lésbica master só me convidou em cima da hora”, reclama. “Você acha que pode dar uns tapas na cara ontem, e me convidar hoje para um casamento?”, retruca Alice. Inês insiste, mas ela nega: “Quero que você se dane.”

Com a bênção do filho%2C Teresa troca alianças com Estela em cerimônia repleta de emoção e burburinhoDivulgação

Paula (Sheron Menezzes) vai com Ivan (Marcello Melo), que ouve o desabafo de Rafael sobre o fato de Laís (Luisa Arraes) só querer perder a virgindade depois que se casar. Guto (Bruno Gissoni) grava a conversa e se interessa pela moça virgem. Beatriz (Gloria Pires) humilha Inês e manda que ela saia da festa.

Teresa e Estela entram no antiquário de mãos dadas.Lauro surge na porta e chama pela mãe. Os convidados se espantam. Atônita, Teresa responde: “Meu filho!” De tão fragilizada, ela cai desmaiada ali mesmo. Enquanto correm para socorrê-la, Beatriz pede calma aos convidados e explica a emoção da advogada, para evitar um escândalo. Longe dali, Consuelo (Arlete Salles) destila todo seu veneno durante o jantar em família: “Nós aqui, comendo nossa comidinha simples, o pão dos fiéis, e as fanchonas lá festejando a imoralidade com caviar, champanhe... Elas merecem virar churrasquinho de sapatão no fogo do inferno.”

Numa sala reservada, Teresa recupera a consciência e Lauro se aproxima. “Eu resolvi vir em cima da hora.” Ela acredita que o filho apareceu apenas para insultá-la, por isso, pede que Estela e Rafael se retirem. Lauro explica que sua intenção não é essa. “Eu não vim brigar. Vim porque mudei. E para provar minha sinceridade, eu tenho um pedido. Posso te conduzir até a juíza?” Teresa aceita e entra de braços dados com o filho, que a entrega para Estela: “Você fez a minha mãe feliz durante 35 anos”, declara ele.

Emocionadas, elas dizem ‘sim’. A juíza as declara casadas e, como manda a tradição, as duas se beijam.
Depois da cerimônia, mãe e filho se entendem em casa. “Eu já tinha aceitado, por dentro, mas não sabia como dar o primeiro passo pra me reaproximar... Foi o orgulho que me segurou. Mas a sua carta me pegou. Eu vi que precisava estar aqui. Foi um choque. Saber que, apesar de tudo, você queria que eu estivesse ao seu lado, no casamento. E eu achando que você nunca mais ia querer me ver...” A advogada rebate: “Eu nunca deixei de te amar! Mesmo quando você me dizia as palavras mais duras, eu só queria te abraçar.” E ele explica o motivo de sua revolta: “Eu já era adulto, mesmo assim me senti tão abandonado... Você largou meu pai, me largou, por causa de uma mulher... Mesmo sem querer, você destruiu o que a gente tinha, tudo o que eu conhecia.”

“Por um amor, meu filho! Um amor não exclui o outro”, justifica ela. “Pra mim, excluía! Era como se a nossa família fosse menos que a Estela, um fardo, um motivo de infelicidade. E era com outra mulher! A vergonha, o choque... eu olhava pra você e não sabia mais quem era. Só depois que eu casei, que tive meus filhos, quando eu senti em mim esse amor pelos filhos, tão potente... foi aí que eu comecei a entender como eu tinha sido cruel com você... Mas eu não sabia como me reaproximar... Tive vergonha, medo, não sabia se você ia aceitar o meu pedido de perdão. Me perdoa, mãe, por tudo?” Teresa, sensibilizada, responde: “Perdoo, claro, com todo o meu amor.”

Mal sabe ela que este será seu último encontro com o filho. Dias depois do perdão, Lauro passa mal e morre.

Últimas de Televisão