Comercial com Ivete Sangalo é investigado por 'discriminar os homens'

Consumidores reclamaram que o comercial faz piada sobre a figura masculina e acusam marca de 'discriminação de gênero'

Por O Dia

Rio - Uma propaganda da Bombril em que Ivete Sangalo, Mônica Iozzi e Dani Calabresa aparecem fazendo piadas sobre os homens virou alvo de um processo no Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar). De acordo com a colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, consumidores reclamaram que a marca ridiculariza a figura masculina e acusaram o comercial de "discriminação de gênero".

Mônica Iozzi%2C Ivete Sangalo e Dani Calabresa em cena da propaganda que está sendo alvo de processo por 'discriminação de gênero'Reprodução

Na propaganda, Ivete, Mônica e Dani afirmam que "toda brasileira é uma diva". Quando Dani Calabresa menciona os homens, Ivete rebate: "Ixe, esses daí nem com todos os produtos da Bombril para ajudar na casa".

As três dão boas gargalhadas e Dani Calabresa afirma que não é possível comparar homens e mulheres porque "toda mulher é diva e e todo homem é 'diva-gar' [devagar]".

A marca divulgou um comunicado esclarecendo que a campanha "foi desenvolvida para valorizar o protagonismo feminino". E que o comercial usa "uma linguagem bem-humorada para ressaltar o valor da mulher na sociedade brasileira e não tem a intenção de ofender os homens ao fazer uma brincadeira com a palavra 'diva'".


Últimas de Televisão